Sexta-feira, 23 de junho de 2017
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia | Energia | Espaço Datagro
Etanol | Fórum de Articulistas | Investing.com | Investing.com Internacionais | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
IPCA para 2017 cai de 4,19% para 4,15%, aponta Focus  

20/03/2017 - Analistas do mercado financeiro reduziram novamente a expectativa para o IPCA em 2017. A pesquisa Focus realizada semanalmente pelo Banco Central e divulgada na manhã desta segunda-feira, 20, mostra que a mediana para o IPCA - o índice oficial de inflação - em 2017 caiu de 4,19% para 4,15% na segunda queda seguida. Há um mês, a previsão estava em 4,43%. Já a projeção para o IPCA de 2018 permaneceu em 4,50%, número repetido pela 34ª semana consecutiva.

As projeções de mercado para este ano, portanto, indicam expectativa de que a inflação desacelere ainda mais se afastando do centro da meta de 4,50%.

Entre as instituições que mais se aproximam do resultado efetivo do IPCA no médio prazo, denominadas Top 5, a mediana das projeções para 2017 recuou ligeiramente de 4,21% para 4,20%. Para 2018, a estimativa do grupo permaneceu em 4,30%. Quatro semanas atrás, as expectativas desses cinco analistas estavam em 4,10% e 4,30%, respectivamente.

A inflação suavizada para os próximos 12 meses foi na direção contrária e subiu ligeiramente, de 4,54% para 4,56% de uma semana para outra - há um mês, estava em 4,62%.

Para os índices mensais mais próximos, a estimativa para março de 2017 recuou de 0,27% para 0,25%. Um mês antes, estava em 0,35%. No caso de abril, a previsão de inflação do Focus foi de 0,44% para 0,43%, ante 0,45% de quatro semanas atrás.


Preços administrados


A pesquisa Focus realizada pelo BC mostrou estabilidade nas projeções para a inflação dos preços administrados neste ano. A mediana das previsões do mercado para o aumento do conjunto de preços controlados pelo poder público em 2017 seguiu em 5,50%. Quatro semanas antes, a expectativa estava em 5,64%.

Para 2018, a mediana das estimativas para o conjunto dos preços administrados caiu de 4,70% para 4,65%. Quatro semanas antes, a estimativa estava em 4,60%.

Em suas projeções atuais, atualizadas na ata do último encontro do Comitê de Política Monetária (Copom), o BC espera alta de 5,8% para os preços administrados em 2017 e avanço de 5,3% em 2018.


Outros índices

O relatório do BC também revelou que a mediana das projeções do IGP-DI de 2017 caiu de 4,51% para 4,34% na nona redução consecutiva. Há um mês, a expectativa estava em 4,72%. Para 2018, a projeção, recuou de 4,70% para 4,61%. Quatro semanas atrás, esse número estava em 4,70%.

Já a previsão para o IGP-M em 2017, que é referência para o reajuste dos contratos de aluguel, recuou de 4,62% para 4,52%. Quatro levantamentos antes, estava em 4,95%. No caso de 2018, a previsão para o índice seguiu em 4,60%, ante 4,68% de um mês atrás.

Calculados pela Fundação Getulio Vargas (FGV), os Índices Gerais de Preços (IGPs) são bastante afetados pelo desempenho do dólar e pelos produtos de atacado, em especial os agrícolas.

Já a mediana das previsões para o IPC-Fipe de 2017 caiu de 4,46% para 4,28%. Um mês antes, a mediana das projeções do mercado para o IPC era de 4,70%. Para 2018, a projeção do IPC-Fipe permaneceu em 4,50% pela oitava semana consecutiva.

Fonte: Estadão Conteúdo
Texto extraído do portal Faesp Senar
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
23/06/17 - Petrobras vai retomar obras na Refinaria Abreu e Lima
  - AgRural: colheita no Centro-Sul atinge 9,3%, abaixo dos 12,4% do ano passado
  - Adotar meta de inflação muito menor em 2019, de 4%, seria arriscado, dizem analistas
  - Dólar tem leve alta e encosta em R$3,34, atento ao cenário político
  - Meirelles: redução da meta de inflação de 2019 é possibilidade
16/06/17 - Dólar opera em alta, em dia de baixo volume e com ajuste após o feriado
  - Preços do petróleo sobem, mas ainda não recuperam perdas de maio
  - Índice de sentimento do consumidor dos EUA cai a 94,5 em junho
  - Atividade econômica cresce 0,28% em abril
  - Produção agrícola terá efeito multiplicador
  - IBC-Br indica processo de estabilização da economia
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
IPCA para 2017 cai de 4,19% para 4,15%, aponta Focus
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
Se não consegue ler a palavra, clique aqui.
Digite a palavra:
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Medalha da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/