Sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia | Energia | Espaço Datagro
Etanol | Fórum de Articulistas | Investing.com | Investing.com Internacionais | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Fórum de Articulistas Aumentar a letra    Diminuir a letra
O que é o RenovaBio  

14/06/2017 - O Brasil é o país mais avançado do mundo na área de biocombustíveis, ao substituir 36% da gasolina por etanol, e substituir 8% do diesel fóssil por biodiesel. Em volume, o Brasil é o segundo maior produtor mundial de etanol e biodiesel e tem um grande potencial não só através desses dois energéticos, mas também através do biogás, do biometano e do bioquerosene. No entanto, as bases pelas quais esse mercado tem se desenvolvido ainda são frágeis. A falta de condições estáveis deve levar, ao longo do tempo, a retrocessos no mercado de biocombustíveis, e uma dependência crescente em relação ao uso de derivados fósseis e importações.

O Brasil tem a oportunidade de integrar sua política de desenvolvimento agroindustrial com sua política energética, ao mesmo tempo em que viabiliza o atingimento de seus objetivos de política ambiental, industrial, e de desenvolvimento econômico descentralizado. A proposta atualmente em construção no governo federal é de se criar um arcabouço regulatório que traga previsibilidade e credibilidade, viabilizando condições estáveis para a retomada do investimento privado sustentado nesta área.

A falta de previsibilidade tem resultado num mercado que muda ao sabor do momento, baseado em precificação basicamente à vista, e sem condições que estimulem o investimento em expansão da capacidade de produção.

O RenovaBio é uma proposta de regulação que visa: (i) indução de ganhos de eficiência energética na produção e no uso de biocombustíveis, e (ii) reconhecimento da capacidade de cada biocombustível contribuir para o atingimento de metas de descarbonizarão. A proposta do RenovaBio não está ligada à criação de impostos sobre carbono, ou de subsídios aos biocombustíveis.

O estabelecimento de metas de redução das emissões de carbono para o mercado de combustíveis, em sintonia com os compromissos assumidos pelo País no Acordo do Clima de Paris, vai criar um mercado mais previsível para os biocombustíveis, o que não acontece até hoje.

O RenovaBio não contrapõe os biocombustíveis de origem fóssil - ao contrário, melhora a organização e confere previsibilidade, promove maior eficiência, menores custos, e maior controle contra fraudes no comercio de combustíveis.

O RenovaBio introduz meritocracia no setor de biocombustíveis, confere estimulo à crescente eficiência na sua produção e uso, e está alinhado com os objetivos do Rota2030 (novo Inovar-auto).

A aplicação do RenovaBio vai viabilizar a troca de Certificados de Redução de Emissões (CREs) relacionados ao uso de biocombustíveis, e irá determinar, em condições de mercado, o valor da tonelada de Carbono, viabilizando a inserção dos biocombustíveis na matriz de combustíveis utilizados em transporte. O tamanho do mercado de biocombustíveis estará relacionado à ambição e à velocidade do atingimento das metas de redução de emissão de Carbono.

Biocombustíveis são considerados internacionalmente como opção moderna e ambientalmente avançada para a energia no setor de transportes.

O RenovaBio é uma proposta de regulação construída a partir de conceitos e do aprendizado obtido com as mais modernas iniciativas internacionais, como LCFS e RFS nos EUA, e RED na EU-- mas que vai além, ao induzir e premiar a busca por mais eficiência energética no setor de biocombustíveis. Esta característica permitirá eficiência e competitividade crescentes, com menores custos para a sociedade e os consumidores.


*Artigo originalmente publicado no jornal O Estado de S. Paulo. Extraído do clipping SCA.

Plinio Nastari
Presidente da Datagro
Os artigos assinados são de responsabilidade de seus autores, não representando,
necessariamente, a opinião e os valores defendidos pela UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
23/02/18 - Como o volume de produção pode impactar os preços do açúcar no mercado asiático?
  - Unica: Venda de hidratado cresce 33% na primeira quinzena de fevereiro, para 614,3 mi de litros
  - Início de safra será um pouco mais alcooleiro com preços razoáveis
  - Grupo Nova Aralco organiza encontro com fornecedores de cana
  - Desalento entre trabalhadores no Brasil bate recorde no final de 2017, mostra IBGE
  - Trump convoca reunião sobre política de biocombustíveis após crise em refinaria
  - MME cria comitê de governança digital
  - País tem 2,786 milhões de pessoas buscando trabalho há 2 anos ou mais, diz IBGE
  - Dólar segue exterior e recua ante real
  - Centro-Sul processa 574,05 mil t na 1ª quinzena de fevereiro (-37,04% ante 2016/17)
  - Safra do Centro-Sul segue com produção mais alcooleira; moagem da 1ª quinzena de fevereiro foi menor
  - Reservatórios do Nordeste operam com 23,7% da capacidade
  - Energia elétrica contribuiu para impacto negativo no IPCA-15 de fevereiro
  - Ministro de Minas e Energia anuncia que vai deixar cargo para disputar eleição
  - Consumo de energia cai 5% em fevereiro, informa CCEE
  - Açúcar tem forte alta impulsionado pelo mix brasileiro mais alcooleiro
  - Conheça o perfil do agronegócio brasileiro
22/02/18 - Sobram razões para manter taxa no etanol dos EUA, diz Feplana no Mapa
  - Desenvolvimento econômico melhora setor sucroalcooleiro
  - Etanol/DOU: ANP altera resolução e aplica regra de estocagem de produtor a importador
  - Análise Datagro: Importação de etanol no Brasil deve encerrar primeiro trimestre em queda
  - Energias renováveis; em prol de um futuro sustentável
  - Associadas UDOP firmam acordo do PAM para controle e combate de incêndios
  - Nova York: preços do açúcar fecham em alta na maioria dos contratos da bolsa
19/02/18 - Nematoides são responsáveis por perdas de até 30% do canavial
  - Petrobras passa a divulgar preços médios de gasolina e diesel em refinarias e terminais
  - ANP unificará regras de biocombustíveis
  - Petrobrás diz que fica com 28% do preço da gasolina e 49% do diesel
16/02/18 - ANP dá início à consulta sobre atividade de produção de Biocombustíveis
  - Agricultura mais produtiva
  - A eletrificação com biocombustíveis e o RenovaBio
09/02/18 - Preços do açúcar voltam a despencar nos mercados internacionais
07/02/18 - RenovaBio: Política de biocombustíveis vai criar nova moeda
  - Estação de esqui usará 100% de energia renovável na Califórnia
  - Descarbonização: O clima e a saúde agradecem
  - Fim da relação açúcar-petróleo mostra que Brasil perdeu poder
  - Abundante oferta mundial pressiona e preços do açúcar fecham mistos em NY
06/02/18 - Mais caro, mais sujo
  - Brasil adere à Agência Internacional de Energia Renovável
02/02/18 - ATR AL/SE: Valor líquido do acumulado cai 0,5% em janeiro
  - 2017/18: Clima favorece canaviais e moagem de cana deve avançar para 589 mi ton no Centro-Sul
01/02/18 - Estudo revela impurezas minerais da palha de cana-de-açúcar recebida pelas usinas e os efeitos no
  processamento na indústria
25/01/18 - Governo do Paraná estimula produção de energias renováveis
09/01/18 - Pesquisadores identificam gene que pode aumentar eficiência na produção de etanol
02/01/18 - Bioplásticos ameaçam sonho de expansão de petroleiras
11/12/17 - Sinergia para tornar os biocombustíveis estratégicos no Brasil
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
O que é o RenovaBio
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/