Sábado, 20 de janeiro de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia | Energia | Espaço Datagro
Etanol | Fórum de Articulistas | Investing.com | Investing.com Internacionais | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Energia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Brasil lidera ranking mundial de uso da biomassa na produção de energia  

07/08/2017 - Pesquisa realizada pela IEA Bioenergy Task 40 - divisão especializada em bioenergia da Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês) aponta que o Brasil é o país que mais utiliza biomassa na produção de energia, sendo16% do uso mundial no setor. Em seguida estão os EUA (9%) e Alemanha (7%). De acordo com o material publicado recentemente, os 15 países do topo dessa lista representam 65% do uso global de biomassa na matriz energética. Atualmente, a biomassa representa cerca de 10% da produção de energia global.

O material apresentado pela Task 40 mostrou que, em 2010, no Brasil 21% da energia utilizada no setor industrial foi obtida a partir do bagaço da cana de açúcar e 7% a partir de outras fontes primárias renováveis. A maioria dessa energia é utilizada no setor de alimentos e bebidas, que corresponde a 75% da demanda de energia do setor. Além disso, o setor industrial também é o principal consumidor de energia à base de carvão no país, onde 33% da energia é usada principalmente para abastecer a indústria de ferro e aço.

O etanol é o principal biocombustível do Brasil e dos Estados Unidos; enquanto que na União Europeia o biodiesel domina o mercado de biocombustíveis líquidos. Segundo os dados, a capacidade combinada de usinas de etanol brasileiras foi de cerca de 43 bilhões de litros por ano, sendo que a cana é o principal insumo do etanol. Quantidades significativas do etanol brasileiro foram exportadas para os EUA, Coreia do Sul e Japão, desde 2004.


Investimentos em novas usinas de etanol no Brasil têm diminuído

A pesquisa ressalta também que os investimentos em novas usinas de etanol no Brasil têm diminuído, ao mesmo tempo em que as importações dos EUA têm aumentado. Enquanto que no Brasil existem cerca de 430 refinarias, nos EUA existem mais de 200 usinas de etanol. Todavia, as indústrias americanas são muito maiores.

Outro componente importante na produção de energia é o carvão vegetal, onde o maior produtor é o Brasil. Só em 2010, 6,3 milhões de toneladas foram produzidas no país, o que equivale a 14% da produção total do mundo; mais de 80% desse montante foi utilizado pelo setor industrial.

As conclusões da pesquisa demonstraram que a utilização de biomassa para fins energéticos é crescente no mundo. De acordo com os resultados do estudo, um número significativo de novas grandes instalações tanto para refinar e processar biomassa como para fins de transporte de energia (biocombustíveis), bem como converter biomassa em calor e energia estão sendo construídas em todo o mundo.

O objetivo do estudo é obter uma visão global do uso de biomassa nos setores industriais e de transporte e obter a lista dos maiores usuários de energia de biomassa no mundo. A pesquisa utilizou dados de várias fontes em todo o mundo. No Brasil, foram coletados informações do balanço anual de oferta e consumo de energia publicado pelo Ministério de Minas e Energia, dos bancos de dados da União da Indústria de Cana de Açúcar (Unica), da União dos Produtores de Bioenergia (UDOP) e da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

02/08/17
Fonte: Celulose Online
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
19/01/18 - Petrobras: Gasolina sobe 0,7% e diesel cai 0,6% amanhã
  - Esqueça petróleo: Sauditas miram energia renovável na Am. Latina
  - Movimento do comércio sobe 1,5% em 2017, revela Boa Vista SCPC
  - Taxas futuras de juros recuam com dólar
  - Confiança da indústria cresce pelo 6º mês e é a melhor desde abril de 2011
  - Preços do etanol no Brasil em alta abrem janela para importação dos EUA
  - CCEE: adimplência na liquidação de energia nuclear e cotas ficou acima de 99%
  - Produção de açúcar da Índia faz preços da commodity caírem em Nova York
  - Indústria de açúcar da Índia eleva estimativa de produção em 4%, para 26,1 mi t
  - Afetada por chuvas e geada, safra de cana 17/18 em MS deve ser no mesmo patamar da anterior, diz
  Biosul
  - Disponibilidade de turbinas de Itaipu chegou a 97,10% em 2017
  - Reservatórios do Sudeste/Centro-Oeste operam com 30% da capacidade
  - Índice de investimentos de empresas caiu 0,7% de outubro para novembro, diz Ipea
  - Dólar recua em meio à espera de votação no Senado dos EUA
  - Arábia Saudita eleva exportação de refinados para compensar cortes em petróleo
  - Liquidações financeiras de energia nuclear e cotas somam R$ 839,5 mi, diz CCEE
  - Preço do gás para indústria e comércio já acumula alta de 34%
18/01/18 - Açúcar e fruta alavancaram o agronegócio em Pernambuco
  - Açúcar: preços seguem em queda no mercado externo e interno
  - ISMA eleva previsão de safra 2017/18 para 26,1 mi/t (+4% ante projeção anterior)
  - Custos industriais pressionam a competitividade
  - Produtor reage à isenção do etanol americano
  - Agricultura: Maggi só reverá tarifa sobre etanol se estudo mostrar que medida não se justifica
  - Agronegócio brasileiro fecha 2017 rindo à toa
  - Eficiência industrial será tema de curso em Campinas
  - Petrobras anuncia alta de 0,8% no preço da gasolina e 0,7% no diesel
  - Pedidos de auxílio-desemprego nos EUA caem para mínima de 45 anos
09/01/18 - Pesquisadores identificam gene que pode aumentar eficiência na produção de etanol
02/01/18 - Bioplásticos ameaçam sonho de expansão de petroleiras
01/12/17 - RenovaBio, crescimento com descarbonização
30/11/17 - Esalq assina parceria com a UDOP
28/11/17 - RenovaBio é incentivo aos biocombustíveis e à sustentabilidade, diz Petrobras
16/11/17 - COP23: São Paulo no clima
  - Contabilidade que medirá o desempenho ambiental do RenovaBio, para crédito de descarbonização, será
  auditada e certificada
09/11/17 - Biomassa como energia sustentável
  - Setor quer cana com maior capacidade de produção de biomassa
08/11/17 - RenovaBio precisa de aprovação urgente como foi a retomada do Pré-Sal; dívidas das usinas por anos
  de crise preocupam
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Brasil lidera ranking mundial de uso da biomassa na produção de energia
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Medalha da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/