Domingo, 20 de agosto de 2017
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia | Energia | Espaço Datagro
Etanol | Fórum de Articulistas | Investing.com | Investing.com Internacionais | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Diversas Aumentar a letra    Diminuir a letra
Brasil tem 59 mil km de rodovias federais em estado crítico  

11/08/2017 - Pesquisa da Confederação Nacional dos Transportes (CNT) divulgada nesta quinta-feira (10/8) mostra que o Brasil ainda tem um longo caminho a percorrer no que se refere a condições das rodovias federais.Segundo o levantamento, dos 103.259 quilômetros de estradas pavimentadas do país, 57,3% estão em situação precária, ou 59.167 quilômetros foram classificados como regular, ruim ou péssimas condições. O estudo não faz comparação com o indicador do ano passado.

A situação é problemática, pois impacta diretamente nos custos dos transportadores e pior, oferece risco à vida dos usuários. O número de pontos críticos, aqueles com crateras na pista, quedas de barreiras ou erosões, aumentou de 2015 para 2016 - passando de 327 para 414 ocorrências.

E o dinheiro público investido nas estradas cresceu. "Desses [pontos críticos], 230 e 304, respectivamente, são trechos com buracos grandes", aponta o estudo. "Entre as falhas identificadas pela pesquisa, aquelas encontradas no pavimento elevam o custo operacional do transporte de cargas em 24,9%", acrescentaram os técnicos.

A análise de condições regionais não teve alteração significativa do quadro. O Sudeste continua tendo a melhor malha rodoviária do Brasil, conforme a CNT. De forma geral, 55,4% da extensão das estradas da região foram classificadas como ótimas ou boas. Já o norte do país tem a menor proporção de rodovias nessa situação - apenas 23,4% delas foram avaliadas como ótimas ou boas.


Investimentos

Ainda de acordo com o levantamento, o governo brasileiro aumentou o valor aplicado na malha rodoviária no ano passado. Ao todo, as estradas sob administração da União absorveram R$ 8,6 bilhões, valor R$ 2,6 bilhões superior aos R$ 5,95 bilhões do ano anterior. O dinheiro, no entanto, não foi direcionado à expansão das vias e sim às obras de manutenção e recuperação. Maior parte dos recursos (64,3%) com estas operações, o equivalente a R$ 5,5 bilhões.

No caso das empresas concessionárias, o investimento ficou praticamente estagnado entre 2015 e 2016 - cresceu para R$ 6,75 bilhões, contra R$ 6,66 bilhões. "Esse resultado se deve, além da crise econômica (provocou redução no movimento de cargas e queda na receita nos pedágios), às já referidas dificuldades enfrentadas pelas novas concessionárias. Entre elas, merece destaque aquela relacionada ao financiamento das obras físicas devido às mudanças na política econômica governamental (e principalmente do BNDES)", diz um trecho do relatório.

10/08/17
Cassiano Ribeiro

Fonte: Revista Globo Rural
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
18/08/17 - IBC-Br subiu 0,5% na margem no trimestre até maio, com dados dessazonalizados
  - Atividade econômica no Sudeste cresce 0,2% no trimestre até maio, diz BC
  - Dólar passa por correção e cai ante real, monitorando negociações para andamento das reformas
  - Preço do etanol deve estimular consumo
  - Preço do etanol segue sem reajuste nas bombas de Rio Preto mesmo após baixa no imposto
  - Ministro dos Transportes garante que não haverá mais atoleiro no escoamento da safra na BR-163/PA
  - MME encerra consulta sobre novo modelo elétrico, mas manterá discussões
  - Governo quer iniciar mudanças do setor elétrico em setembro, diz ministro
  - Governo argentino quer diminuir direitos de exportação de açúcar de 21% para 13%
  - Taxas futuras de juros recuam com dólar
  - Atividade econômica no Nordeste avança 2,8% no trimestre até maio, diz BC
  - ONS eleva previsão de chuva em hidrelétricas do Sudeste; reduz estimativa de carga
  - Retrocesso ambiental deve pôr Temer em saia-justa em conferência da ONU
  - Preços dos fretes rodoviários devem continuar elevados
  - Governo publica MP com nova tributação do setor de petróleo
  - Ucrânia começa colheita de milho, com produtividade inicial de 4 t/ha
  - Frente Parlamentar em Defesa do Setor Sucroenergético promove debate sobre produção sustentável
  - Descarga de grãos via ferrovia quase dobra em Paranaguá
17/08/17 - Rodovia no Pará escapa de congelamento de gastos
  - Rota de 350 km: Empresa estuda retomar ferrovia em Panorama
  - Governo promete pavimentar BR-163 até Miritituba até o final de 2018
  - Desemprego cai para 13%, revela pesquisa do IBGE
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Brasil tem 59 mil km de rodovias federais em estado crítico
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
Se não consegue ler a palavra, clique aqui.
Digite a palavra:
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Medalha da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/