Sábado, 23 de junho de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
UE revisa para cima projeções de crescimento na zona do euro em 2017 e 2018  

09/11/2017 - A União Europeia afirmou nesta quinta-feira que os membros da zona do euro devem crescer mais que o antes projetado, com o impulso da força do consumo privado e da recuperação global. Com isso, a região da moeda comum deve ostentar a expansão mais rápida em uma década.

A UE prevê crescimento de 2,2% na zona do euro em 2017, de 1,7% na projeção anterior, divulgada em maio deste ano. Para 2018, a expectativa subiu de 1,8% anteriormente para 2,1% agora. Em 2019, a UE prevê crescimento de 1,9%.

Em toda a União Europeia, a previsão é de crescimento de 2,3% em 2017, de 1,9% em maio.

A melhora na perspectiva reflete um melhor cenário no mundo, que garante investimentos de companhias da UE, enquanto as incertezas políticas e econômicas diminuem. Governos centristas favoráveis ao bloco europeu mantiveram-se no poder na Alemanha, na França e na Holanda, enquanto o Banco Central Europeu (BCE) decidiu manter as políticas acomodatícias.

"Após cinco anos de recuperação moderada, o crescimento europeu agora tem acelerado. Vemos boas notícias em muitas frentes, com a criação de mais empregos, aumento no investimento e fortalecimento das finanças públicas", afirmou Pierre Moscovici, comissário europeu para questões econômicas e financeiras.

Apesar das projeções otimistas, a UE disse que ainda há pressões no mercado de trabalho, nos salários e na inflação. Além disso, existem incertezas com a saída do Reino Unido da UE, o chamado Brexit, e com as políticas protecionistas almejadas pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

As ameaças são evidentes nas projeções do bloco para 2018 e 2019, quando o crescimento econômico deve desacelerar. A zona do euro deve crescer menos em 2019, quando o Reino Unido deixará a UE, mostram as projeções.

A UE ainda cita a questão da crise entre o governo regional da Catalunha e o da Espanha. Segundo o bloco, as reações do mercado aos desdobramentos políticos têm sido "contidas", mas ainda não está claro qual impacto pode gerar a questão catalã para o PIB espanhol.

A inflação na zona do euro deve se manter em geral estável em 1,5% em 2017, abaixo da alta de 1,6% antes projetada. Ela deve ainda desacelerar para 1,4% no próximo ano, antes de uma modesta alta para 1,6% em 2019. A meta do BCE é de quase 2%. Em outubro, a inflação ao consumidor da zona do euro ficou em 1,4%, segundo a leitura preliminar.

O desemprego na zona do euro recua mais rápido que o esperado em maio e deve chegar a 9,1% no fim deste ano e a 8,5% em 2018, batendo em 7,9% em 2019, mostram as projeções. Anteriormente, a UE esperava 9,4% em 2017 e 8,9% em 2018.

Conforme o crescimento econômico ganha ritmo, as economias da zona do euro devem reduzir seus déficits orçamentários mais rápido que o antes antecipado, disse a UE. Os integrantes da zona do euro devem registrar déficit médio de 1,1% do PIB em 2017, abaixo do de 1,4% antes esperado. Esse déficit deve recuar a 0,9% no próximo ano, de 1,3% anteriormente, e cair mais, a 0,8%, em 2019.

"As economias de todos os Estados membros crescem e o mercado de trabalho deles melhora, mas os salários sobem apenas lentamente", afirma a UE, que cita a fraqueza nas condições de emprego. "O crescimento do PIB e da inflação são portanto ainda dependentes da política de apoio", sustenta o bloco.

Fonte: Dow Jones Newswires
Texto extraído da revista Isto É Dinheiro
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
22/06/18 - Rússia e Arábia Saudita se unem contra Trump para controlar preço do petróleo
  - Colheita de soja na Argentina atinge 97,1% da área
  - Opep decide aumentar produção para responder demanda mundial de petróleo
  - Dólar sobe ante real, na contramão do exterior, após atuação do BC
  - Remuneração no agronegócio cresce mais que a da média brasileira
  - Inflação na paralisação de caminhoneiros foi a maior em mais de 20 anos
  - República do Congo se torna o mais novo integrante da Opep
  - Energia influencia alta de 1,11% no IPCA-15 de junho
  - Colheita de milho na Argentina alcança 51,3% da área
06/04/18 - Agricultores dos EUA defendem negociação com China em vez de proteção do governo
12/03/18 - IPCA para 2018 previsto pelo Focus cai de 3,70% para 3,67%
09/03/18 - Maiores exportadores da Ásia criticam tarifas dos EUA e ampliam temores com guerra comercial
  - Produção industrial recua em 8 dos 14 locais pesquisados pelo IBGE em fevereiro
  - O crescimento do PIB paulista
  - Ainda o preço da gasolina
  - IGP-M acelera alta a 0,60% na 1ª prévia de março com preços dos alimentos no atacado
  - Mercosul inicia negociações para acordo comercial com o Canadá
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
UE revisa para cima projeções de crescimento na zona do euro em 2017 e 2018
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/