Sábado, 23 de junho de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Acordo comercial entre UE e Mercosul pode sair neste ano, diz Aloysio Nunes  

10/11/2017 - O acordo comercial entre a União Europeia e o Mercosul pode sair ainda neste ano, afirmou o ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira e participantes da reunião com o presidente Michel Temer nesta sexta-feira, 10.

Segundo Aloysio, o Mercosul já apresentou ao bloco europeu a disposição de acatar algumas regras de interesse da União Europeia e que os participantes da rodada de negociações foram unânimes em afirmar que um entendimento entre os dois blocos tem uma "enorme relevância econômica, no plano comercial e de investimentos e inclui temas que vão além da oferta de bens".

O ministro participou de uma reunião com o presidente da República, o vice-presidente da Comissão Europeia para Emprego, Crescimento, Investimento e Competitividade, Sr. Jyrki Katainen, e chanceleres do Mercosul.

Os participantes do encontro deram uma declaração à imprensa no Palácio do Planalto em que afirmaram que o acordo pode ser fechado ainda este ano.

"O Mercosul trabalhou muito no sentido de eliminarmos uma série de barreiras tarifárias e fitossanitárias", disse.

O ministro afirmou ainda que o Brasil tem uma série de negociações com outros blocos e citou também o Canadá e países asiáticos. "Estamos ampliando a nossa linha de preferência com a Índia. Há sondagens otimistas com países da ASEAN (Associação de Nações do Sudeste Asiático)", afirmou.


Desacordo

A negociação entre os dois blocos econômicos estava travada e a visita do representante da União Europeia ao País foi recebida como uma tentativa de viabilizar o acordo.

Do ponto de vista do Mercosul, os europeus descumpriram o acordo pelo qual deveriam apresentar, para negociação, uma proposta melhor do que a que estava sobre a mesa em 2004, quando o diálogo chegou a um impasse e ficou paralisado.

Mas, ao invés de melhorar, os europeus entregaram em outubro passado uma proposta pior para dois produtos: carne e etanol. No caso da carne, a oferta foi comprar 70.000 toneladas, quando o ponto de partida deveria ser 100.000 toneladas por ano. Para o etanol, a proposta foi de 600.000 toneladas, quando era esperado algo superior a 1 milhão de toneladas.

Os números decepcionaram os sul-americanos. No entanto, já estava claro que os europeus não trariam nada diferente para a rodada de negociações que ocorre esta semana.


Solução possível

Para sair do impasse, será necessário que os dois lados melhorem suas ofertas. Ou seja, o Mercosul também precisará abrir mais seu mercado ou oferecer vantagem adicional em investimentos, compras governamentais ou serviços para ter uma proposta melhor para o etanol e a carne. O que os negociadores discutirão ao longo desta semana são os parâmetros para que sejam apresentados novos números. Os detalhes da reunião desta sexta-feira, 10, não foram divulgados.

Carla Araújo e Lu Aiko Otta
Fonte: O Estado de S. Paulo
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
22/06/18 - Rússia e Arábia Saudita se unem contra Trump para controlar preço do petróleo
  - Colheita de soja na Argentina atinge 97,1% da área
  - Opep decide aumentar produção para responder demanda mundial de petróleo
  - Dólar sobe ante real, na contramão do exterior, após atuação do BC
  - Remuneração no agronegócio cresce mais que a da média brasileira
  - Inflação na paralisação de caminhoneiros foi a maior em mais de 20 anos
  - República do Congo se torna o mais novo integrante da Opep
  - Energia influencia alta de 1,11% no IPCA-15 de junho
  - Colheita de milho na Argentina alcança 51,3% da área
06/04/18 - Agricultores dos EUA defendem negociação com China em vez de proteção do governo
12/03/18 - IPCA para 2018 previsto pelo Focus cai de 3,70% para 3,67%
09/03/18 - Maiores exportadores da Ásia criticam tarifas dos EUA e ampliam temores com guerra comercial
  - Produção industrial recua em 8 dos 14 locais pesquisados pelo IBGE em fevereiro
  - O crescimento do PIB paulista
  - Ainda o preço da gasolina
  - IGP-M acelera alta a 0,60% na 1ª prévia de março com preços dos alimentos no atacado
  - Mercosul inicia negociações para acordo comercial com o Canadá
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Acordo comercial entre UE e Mercosul pode sair neste ano, diz Aloysio Nunes
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/