Quarta-feira, 22 de novembro de 2017
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia | Energia | Espaço Datagro
Etanol | Fórum de Articulistas | Investing.com | Investing.com Internacionais | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Fitch mantém nota de crédito do Brasil com perspectiva negativa  

13/11/2017 - Seis meses depois da última avaliação, a agência de classificação de risco Fitch Ratings manteve hoje (10) a nota de crédito do Brasil em moeda estrangeira em BB, e sua perspectiva, negativa. O país permanece dois degraus abaixo do grau de investimento (garantia de que o país não corre risco de dar calote).

A perspectiva negativa significa que o país pode ter a nota rebaixada a qualquer momento antes da próxima reavaliação. De acordo com a Fitch, existem diversos fatores que justificam a preocupação com a situação fiscal do país. A agência citou a debilidade estrutural nas finanças públicas, o alto endividamento do governo, as fracas perspectivas de crescimento e os indicadores de governança mais fracos do que em países emergentes semelhantes.

A agência também acrescentou o risco de instabilidade política para a votação de reformas estruturais que, segundo ela, melhorariam as contas públicas, como as mudanças na Previdência Social. A Fitch, no entanto, informou que essas dificuldades são parcialmente compensadas pela diversidade econômica do Brasil e por instituições civis consolidadas.

A classificação de risco por agências estrangeiras representa uma medida de confiança dos investidores internacionais na economia de determinado país. As notas servem como referência para os juros dos títulos públicos, que representam o custo para o governo pegar dinheiro emprestado dos investidores.

Em comunicado, a Fitch informou esperar crescimento de 0,6% no Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e serviços produzidos no país) em 2017 e expansão média de 2,6% em 2018 e 2019. De acordo com a agência, a inflação baixa ajudou a recuperar o consumo, que também teve a ajuda da estabilização da taxa de desemprego e da reativação do crédito. Para os próximos anos, a Fitch também espera a recuperação do investimento.

Quanto à dívida pública bruta brasileira, a Fitch projeta que continuará crescendo, mesmo com a devolução, pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), dos recursos emprestados pelo Tesouro Nacional. Segundo a agência, a dívida pública deverá encerrar o ano em 76% do PIB e aumentar para 80% em 2018. A mediana (valor central em torno do qual um valor oscila) da dívica pública para os países de nota BB está em 45% do PIB.


Outras agências

Em maio, a Moody´s tinha posto a nota da dívida brasileira em observação, com a possibilidade de rebaixamento. Também em maio, outra agência de classificação de risco, a Standard & Poor´s, tinha reduzido, de estável para negativa, a perspectiva da dívida brasileira.

A última avaliação da Fitch também tinha sido em maio. Na ocasião, a agência manteve a nota do país com possibilidade de rebaixamento. As três principais agências de classificação de risco têm mantido o país dois degraus abaixo do grau de investimento.


Ministério da Fazenda

Após participar de almoço com empresários da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs), o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, que está na capital gaúcha, classificou de normal a decisão da Fitch. Segundo Meirelles,, as agências de rating têm a função de ser conservadoras, e somente a aprovação da reforma da Previdência pode fazê-las mudar as previsões e basear-se em novos cenários.

10/11/17
Wellton Máximo com edição de Nádia Franco

Fonte: Agência Brasil - ABr
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
22/11/17 - Encomendas de bens de capital nos EUA caem, mas mercado de trabalho segue forte
  - Reservatórios do Norte operam abaixo de 18% da capacidade
  - Pequenas descoladas
  - Comissão da UE diz que 6 países da zona do euro podem quebrar regras orçamentárias em 2018
  - Petróleo registra alta com dados dos EUA e expectativa de reequilíbrio
  - Taxas futuras de juros rondam estabilidade, após abrirem com viés de alta
  - Liquidações de nuclear e cotas das hidrelétricas registram 100% de adimplência
  - Itaipu alcança marca histórica de 2,5 bi de MWh em produção acumulada
  - Após duas sessões de quedas, soja testa leves altas em Chicago nesta 3ª feira
  - Yellen ainda prevê recuperação da inflação nos EUA mas diz estar "bastante incerta"
  - CBOT: Mercado de grãos deve abrir em alta; feriado amanhã reduz liquidez
  - Plenário analisa urgência para projeto que cria Política Nacional de Biocombustíveis
  - Soja: Brasil: Estoques da safra 2016/17 deverão crescer 114% frente a anterior
  - Bolsas europeias buscam direção, de olho na Alemanha, Reino Unido e Fed
21/11/17 - CBOT: Mercado de grãos deve abrir em queda; soja tem menor demanda
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Fitch mantém nota de crédito do Brasil com perspectiva negativa
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
Se não consegue ler a palavra, clique aqui.
Digite a palavra:
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Medalha da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/