Quinta-feira, 24 de maio de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Energia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Decisão judicial resolverá dívida bilionária, diz CCEE  

14/02/2018 - Se não houver uma reviravolta jurídica até março, o problema das geradoras de energia que deixam de pagar o que devem por causa do deficit hídrico deverá caminhar para uma definição.

Quem afirma é Rui Altieri, presidente do conselho de administração da CCEE (Câmara de Comercialização de Energia Elétrica).

Na semana anterior ao Carnaval, uma desembargadora da Justiça Federal tomou uma decisão que, na prática, vai obrigar as geradoras a resolver suas dívidas, ele diz.

Há cerca de R$ 6 bilhões a quitar de usinas que conseguiram liminares para não pagar débitos relativos à liquidação de diferenças entre o potencial de geração e o que, de fato, entregaram de energia nos últimos anos.

Em março acontece a primeira liquidação (ou seja, os acertos financeiros) entre vendedores e compradores desde a decisão da Justiça.

Essa dívida bilionária deve ser reduzida significativamente, mas a CCEE não antecipa em quanto, diz Altieri.

"Tem credores veem 10% do que têm a receber que há 15 meses. É insustentável. As usinas de biomassa, como cana-de-açúcar, compram energia fora da safra, e pagam corretamente. Quando vendem, levam só esses 10%."

Parte desses devedores devem pedir à Aneel para parcelar suas dívidas.

"Alguns terão caixa. Eles afirmaram em conversas que provisionaram os valores, porque sabiam da possibilidade de terem que pagar."

Esse montante bilionário se originou porque o regime hídrico dos últimos quatro anos foi ruim, diz ele.

A privatização das distribuidoras da Eletrobras também deverá ajudar, mas em um prazo mais distante.

Isso porque, mal administradas, algumas delas ficaram inadimplentes.


Marco regulatório


O Ministério de Minas e Energia encaminhou um projeto de lei que propõe uma compensação às geradoras pelos valores que elas deixaram de pagar em decorrência de fatores não hidrológicos.

No texto há uma liberalização maior do mercado livre, que deverá ocorrer até 2026.

Consumidores com cargas menores poderão aderir. Os clientes de baixa tensão, porém, ainda estarão fora.

"Os comercializadores querem uma liberação mais forte, mas eu acho esse cronograma seguro. Seria ruim tentar dar um passo maior e capotar na frente, diz, referindo-se à ideia de incluir todos no mercado livre."

"O uso de térmicas antes das hidrelétricas causou impacto, mas o problema verdadeiro foi a falta de chuvas nos quatro últimos anos"

*Texto extraído da coluna Mercado Aberto.

Maria Cristina Frias
Fonte: Folha de S. Paulo
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
24/05/18 - UDOP e FCAV Unesp/Jaboticabal projetam parceria na divulgação de estudos e inovações voltadas à
  bioenergia
  - Ações da Petrobras têm queda de 13% na Bovespa
  - Preço do frete para transporte de açúcar recua 3,9%
  - Produção de etanol nos EUA cai 2,83% na semana, para 1,028 milhão de barris/dia
  - Usinas do PR suspendem venda de etanol, trato cultural e plantio de cana
  - Reservatórios do SE/CO seguem operando abaixo de 43%
  - FAPESP e Shell lançam Centro de Inovação em Novas Energias
  - Não é apenas pelos R$ 0,05
  - Energia influencia IPCA-15 de maio, que fica em 0,14%
  - Reforma do setor elétrico pode ser votada na Câmara em agosto, prevê deputado
23/05/18 - Volume cai no Nordeste e reservatórios operam com 40,3%
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Decisão judicial resolverá dívida bilionária, diz CCEE
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/