Quinta-feira, 21 de junho de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Montadoras pedem acordo UE-Mercosul como forma de ´conter´ Trump  

07/03/2018 - As principais montadoras do mundo pedem um acordo comercial entre o Mercosul e Europa como forma de dar uma "resposta" à onda protecionista de Donald Trump, nos EUA.

Para a OICA (Organização Internacional de Construtores Automotivos), existe uma janela de oportunidade de apenas seis meses para que o tratado comercial entre os dois blocos possa ser fechado. O acordo vem sendo negociado há 18 anos e entrou em 2018 em sua reta final.

"Não temos muito tempo para permitir que haja um acordo", afirmou o presidente mundial da OICA e ex-ministro de Transporte do governo alemão, Matthias Wissmann. "Temos eleições no Brasil e na Argentina. Além disso, o Parlamento Europeu também passará por uma eleição", apontou. "A janela de oportunidade é de apenas meio ano para que haja um acordo e por isso apelamos para que os responsáveis políticos na Europa e no Mercosul façam o possível para chegar a um acordo", insistiu.

Sua avaliação é de que, com mudanças de governos em ambos os lados, o risco é de que o processo seja adiado por mais alguns anos.

O alemão afirmou ainda que um tratado entre os dois blocos daria um sinal positivo para os mercados, em meio à onda de protecionista. "O protecionismo está em alta e veja o tom usado nos últimos dias a partir de Washington", afirmou o executivo, diante do anúncio do governo americano de que irá aplicar tarifas de importação ao setor siderúrgico.

"Precisamos de acordos com o do Mercosul para conter a onda protecionista", disse Wissmann, durante o Salão do Automóvel em Genebra, um dos mais importantes do mundo.


Protecionismo

As montadoras, reunidas nesta quarta-feira, indicaram que estudam formas de tentar influenciar líderes políticos para "evitar um círculo vicioso de medidas protecionistas". No fim de semana, Trump acenou para a possibilidade de que, depois do aço, barreiras sejam estabelecidas contra carros europeus e asiáticos.

"Não existem dúvidas de que a competição é dura entre montadoras. Mas a realidade é que nenhum país pode satisfazer sua demanda com sua própria produção", alertou Wissmann. "O livre mercado e fim de barreiras são importantes para o emprego, crescimento e prosperidade", disse.

Na avaliação do presidente da entidade de montadoras, privilegiar a produção local só faz sentido quando existe a oportunidade de exportar. Mas se mercados estão fechados, esse caminho também não seria viável.

Ele ainda lembrou do papel dos fornecedores que, num carro, representam 75% do valor do produto final. "Temos de fazer de tudo para evitar novas barreiras", disse.

"Apelamos para que fronteiras estejam cada vez mais abertas, e não fechadas. O populismo de esquerda ou de direta questionam abertura comercial. Temos de manter mercados abertos", completou.

Jamil Chade
Fonte: O Estado de S. Paulo
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
20/06/18 - Dólar sobe 1% e se reaproxima de R$3,80, com correção e à espera de BC
  - William Waack analisa propostas de presidenciáveis para os preços dos combustíveis
  - Safra mundial 2018/19 de soja deve ter alta de 6%
  - Soja e milho acumulam prejuízo de R$ 10 bi em 20 dias de tabela do frete, diz CNA
  - Entrada de dólares supera saída em US$ 23,574 bi no ano até 15 de junho, diz BC
14/06/18 - Fux dá 48 horas para Temer e órgãos do governo explicarem MP sobre fretes
13/06/18 - Política de preços dos combustíveis e monopólio da Petrobras são criticados em audiência
  - Mercado da soja em Chicago entra em calmaria com o aperto de mão de Trump/Kim Jong-Un
07/06/18 - Pressão de produtores força Trump a suspender reforma da política de biocombustíveis
06/06/18 - Temer aprova meta de emissões do RenovaBio
06/04/18 - Agricultores dos EUA defendem negociação com China em vez de proteção do governo
12/03/18 - IPCA para 2018 previsto pelo Focus cai de 3,70% para 3,67%
09/03/18 - Mercosul inicia negociações para acordo comercial com o Canadá
  - Maiores exportadores da Ásia criticam tarifas dos EUA e ampliam temores com guerra comercial
  - Produção industrial recua em 8 dos 14 locais pesquisados pelo IBGE em fevereiro
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Montadoras pedem acordo UE-Mercosul como forma de ´conter´ Trump
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/