Terça-feira, 16 de outubro de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Milho: Mercado recua nesta 6ª feira na BM&F após ganhos recentes e com previsão de chuvas no Brasil  

11/05/2018 - Na BM&F Bovespa, os futuros do milho operam em campo negativo no pregão desta sexta-feira (11). Perto das 12h00 (horário de Brasília), as principais posições do cereal testavam quedas de mais de 1%, com o maio/18 cotado a R$ 41,95 a saca e o julho/18 a R$ 41,29 a saca.

O mercado dá continuidade ao movimento negativo iniciado no dia anterior. Além disso, os preços passam por um movimento de correção técnica depois das recentes valorizações, conforme explicam os analistas de mercado.

Paralelamente, o clima no Brasil segue no radar dos participantes do mercado. De acordo com informações da Climatempo, uma frente fria rompe a massa de ar seco nesta sexta-feira (11) e leva chuvas para o Sul do país e também ao sul de Mato Grosso do Sul.

Regiões, nas quais, as lavouras de milho eram castigadas pela seca, de mais de 30 dias, e pelas altas temperaturas. Ainda assim, é preciso avaliar a abrangência dessas chuvas e o potencial de recuperação das plantas em algumas regiões.

Em entrevista ao Notícias Agrícolas, o presidente da Aprosoja São Paulo, Gustavo Chavaglia, reforçou a produção paulista já foi afetada e há perspectiva de queda no rendimento nesta temporada. E, normalmente, os agricultores conseguem colher mais de 100 sacas do grão por hectare.

Ainda nesta quinta-feira, a Agroconsult reduziu a sua projeção para a safrinha, de 63 milhões para 60 milhões de toneladas. "Se a estiagem permanecer, a safra poderá ser ainda menor", alertou a consultoria, em nota.

A Radar Investimentos ainda reportou nesta sexta-feira que "o temor em relação ao prolongamento da estiagem é crescente, já que também inicialmente se vê previsões de frentes frias".


Bolsa de Chicago

Na Bolsa de Chicago (CBOT), os futuros do milho ampliaram as perdas ao longo do pregão desta sexta-feira. As principais posições da commodity recuavam mais de 5 pontos. O maio/18 trabalhava a US$ 3,89 por bushel, enquanto o julho/18 trabalhava a US$ 3,96 por bushel.

Após o reporte do relatório de oferta e demanda do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos), divulgado nesta quinta-feira, as atenções dos investidores estão voltadas ao plantio da nova safra americana, conforme destacam as agências internacionais. O órgão atualiza as informações de plantio na próxima segunda-feira.

Até o último domingo, cerca de 39% da área havia sido cultivada. A média dos últimos anos para o período é de 44%. Por outro lado, o clima no Brasil também segue no radar dos traders, já que as lavouras de milho safrinha permanecem sendo castigadas pela ausência de chuvas e as altas temperaturas nas principais regiões de produção.

Fernanda Custódio
Fonte: Notícias Agrícolas
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
16/10/18 - Soja tem movimento de correção nesta 3ª feira em Chicago após altas intensas da sessão anterior
  - Fundos aumentam participação nos contratos de soja da Bolsa de Chicago
  - Projeção para a safra de grãos da Europa é elevada em 0,2%
  - Plantio de soja no Brasil atinge 20% e se firma como mais rápido da história
  - Especialista destaca que cultivo de soja é viável em Sergipe
  - Estoques mundiais de soja e milho devem crescer 1,5%
15/10/18 - USDA: Embarques semanais de soja dos EUA ficam acima de 1 mi de t e superam expectativas
  - Soja sobe mais de 1% em Chicago nesta 2ª feira com clima no Corn Belt e demanda nos EUA
  - Milho/AgRural: plantio da safra de verão 2018/19 alcança 44% da área no centro-sul
  - Milho: Indicador recua quase 6% no acumulado do mês
  - Milho: Futuros do cereal trabalham estáveis em Chicago nesta 2ª feira com atenção à safra dos EUA
  - Milho/Emater: plantio da safra 2018/19 atinge 50% da área prevista
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Milho: Mercado recua nesta 6ª feira na BM&F após ganhos recentes e com previsão de chuvas no Brasil
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário UDOP de Inovação
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/