Segunda-feira, 21 de maio de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Soja perde mais de 1% em Chicago com dólar em forte alta e clima bom para nova safra dos EUA  

16/05/2018 - A combinação de um dólar forte - não só no Brasil, mas também no exterior - e de boas condições de clima para a nova safra dos Estados Unidos tem promovido uma intensificação das baixas dos futuros da soja negociados na Bolsa de Chicago. A pressão é ainda maior com a falta de acordo entre chineses e americanos sobre suas relações comerciais que ameaçam, entre outros, o comércio da soja entre as duas nações.

Dessa forma, perto de 12h40 (horário de Brasília), as baixas entre os principais vencimentos variavam entre 13,50 e 17,25 pontos - ou passavam de 1,5% - com o contrato julho/18 já trabalhando em US$ 10,01 por bushel.

Para Vlamir Brandalizze, consultor da Brandalizze Consulting, nesse quadro o novo intervalo de preços passa a ser de US$ 10,00 a US$ 10,50, e não mais de US$ 10,20 a US$ 10,70 como se observava há algumas semanas. "O plantio nos EUA está bem adiantado e as condições de clima são favoráveis. Temos que esperar para saber como serão as coisas mais para frente, a partir de julho", diz.

Até o último domingo (13), o plantio da oleaginosa já estava concluído em 35%, de acordo com os números do último reporte semanal de acompanhamento de safras divulgado pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) na segunda-feira (14).

Além do clima, a pressão do dólar vem com a disparada da moeda americana frente a brasileira, uma vez que motiva mais negócios no Brasil, pressionando as cotações na CBOT, mas atrai também os investidores para esse, que é um ativo mais seguro em meio a incertezas que seguem rondando o mercado financeiro.

Às 13h05 (Brasília), a divisa subia 0,55% para chegar aos R$ 3,681.

Na contramão, porém, essa disparada do dólar segue dando um importante suporte aos preços da soja brasileira. Com os prêmios mais acomodados em relação aos elevados níveis do último mês e diante do recuo das cotações em Chicago, a taxa cambial tem sido o mais importante colchão das referências no mercado nacional.

No porto de Paranaguá, os indicativos, como relatou Brandalizze, se mantinham entre R$ 86,00 e R$ 87,00 por saca - para junho e julho, já que os portos brasileiros estão com suas capacidades comprometidas e os demandadores buscando produto para os próximos meses.

Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
21/05/18 - China deve importar mais milho no ciclo 2018/19
  - Soja: Bolsa de Buenos Aires reduz estimativa da safra na Argentina para 36 milhões de toneladas
  - Grãos: veja o relatório semanal de inspeção de exportação do USDA
  - Milho: Mercado acompanha queda do dólar e opera em campo negativo nesta 2ª feira na BM&F Bovespa
  - Soja intensifica ganhos em Chicago e sobe mais de 20 pts na tarde desta 2ª feira
  - Bloqueio de caminhoneiros pode afetar movimentação de soja em MT, diz Aprosoja
  - Colheita do milho na Argentina atinge 34% da área
  - Valor de comercialização da soja sobe mais de 20% em um ano no MS
  - USDA: Embarques semanais de soja dos EUA ficam bem acima do esperado
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Soja perde mais de 1% em Chicago com dólar em forte alta e clima bom para nova safra dos EUA
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/