Sexta-feira, 17 de agosto de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Fila de navios para embarcar soja no Brasil cresce 60% com protestos e tabela de fretes  

14/06/2018 - O total de navios em portos brasileiros aguardando para embarcar produtos do complexo de soja está quase 60 por cento maior em junho ante igual período do ano passado, enquanto a quantidade de embarcações efetivamente recebendo cargas apresenta queda de 42 por cento na mesma base de comparação, segundo dados da agência Williams compilados pela Reuters.

Os números refletem os protestos de caminhoneiros no mês passado e as indefinições quanto ao tabelamento de fretes, uma das alternativas oferecidas pelo governo para encerrar os bloqueios de estradas.

A paralisação e o novo regulamento para contratar transporte rodoviário, contestado pelo setor, têm atrapalhado há cerca de um mês a comercialização da safra recorde de soja deste ano, de quase 120 milhões de toneladas, segundo especialistas.

Conforme a Williams, na terça-feira eram 46 navios "na barra", ou seja, à espera de berços em terminais para poder carregar soja em grão, farelo, entre outros produtos. Há um ano, porém, quando a colheita também foi volumosa, eram 29.

Em paralelo, havia 22 embarcações sendo carregadas nos portos do Brasil, em comparação a 38 em junho de 2017, segundo os números da agência marítima.

Para o presidente da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), André Nassar, essa situação está totalmente ligada às indefinições quanto ao tabelamento de fretes, uma das medidas levantadas pelo governo de Michel Temer para acabar com os protestos de caminhoneiros e que até agora vem sendo discutida pela reguladora de transportes ANTT.

"Há muitas incertezas nos embarques...", afirmou Nassar, acrescentando que há um patrulhamento em relação ao cumprimento da tabela, considerada inconstitucional pela Abiove e já contestada na Justiça.

Os fretes mínimos vigentes são alvo de críticas de todo o setor agropecuários, que projeta perdas e recuo nas exportações neste mês. Nem mesmo a recente disparada do dólar ante o real conseguiu estimular os negócios, com gigantes como Bunge e Archer Daniels Midland (ADM) fora do mercado dado o receio sobre conseguir transporte.

Nassar confirmou que os embarques de soja devem cair em junho, mas afirmou que ainda é cedo para revisar projeções para o ano.

A Abiove, ao lado de outras duas associações do setor de grãos, Anec e Acebra, reforçaram nesta quarta-feira que a tabela de fretes é prejudicial ao país e fere a Constituição.

"A imposição de tabelamento de preços de frete vai acabar com o sistema de financiamento, fixação de preço e comercialização que permitiu ao Brasil ser o maior produtor de soja e o terceiro maior produtor de milho do mundo", afirmaram, em comunicado.

Uma fonte ligada a operações portuárias disse à Reuters que não só a questão dos fretes responde pela atual situação nos portos.

Segundo a fonte, que preferiu falar na condição de anonimato, os próprios protestos atrapalharam as atividades, que ainda não se normalizaram totalmente, e por isso há mais navios aguardando para poder embarcar.

13/06/18
José Roberto Gomes e Roberto Samora

Fonte: Reuters
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
17/08/18 - Relação etanol/gasolina é a menor na 2ª semana de agosto desde 2010, diz Fipe
  - Governo da Rússia discute volume de exportação de grãos com produtores
  - Inflação recua em quatro das sete capitais pesquisadas pela FGV
  - Dólar sobe e chega a tocar em R$3,95 com exterior e cena eleitoral local
  - Crise na Argentina dificulta acordo Mercosul/UE e inviabiliza livre comércio de veículos, diz fonte
  - Estoques mundiais de milho devem cair 20%
  - Milho: Na bolsa brasileira, cotações exibem nova alta no pregão desta 6ª feira com valorização
  cambial
  - China deverá importar 95 milhões de toneladas de soja no ciclo 2018/19
  - Argentina: a poucas semanas de novo plantio de milho, algumas áreas da zona núcleo sofrem com
  reservas de água escassas
  - Soja: Mercado se ajusta em Chicago após forte avanço e tem leve realização de lucros nesta 6ª
  - Agriculture and livestock innovation in Brazil: This is how we feed the world
  - Alta do dólar eleva preço da soja em Mato Grosso do Sul
  - Processamento de soja cresce 16% nos EUA
16/08/18 - Frete tabelado já está saindo do baixo saldo da safra de cana e no MS/GO, com pouco retorno, custo
  de insumos chega a 70%
15/08/18 - Volume de locomotivas produzidas recua e é o mais baixo desde 2014 no país
06/08/18 - Iminência de tabela de frete aumenta consultas de empresas para compra de caminhões
02/08/18 - Porto Itapoá dobra capacidade com conclusão da primeira fase de expansão
31/07/18 - Logística: Brado inicia operações de açúcar em terminal de Araraquara (SP)
30/07/18 - Porto do Maranhão planeja intensificar importação de diesel e gasolina
  - Porto do Maranhão planeja intensificar importação de diesel e gasolina
19/07/18 - Movimento de cargas por trens no Porto de Paranaguá aumenta 21%
16/07/18 - Preços de exportação da soja recuam em junho
11/07/18 - Fila de navios para embarcar açúcar em Paranaguá quase zera com fretes e oferta menor
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Fila de navios para embarcar soja no Brasil cresce 60% com protestos e tabela de fretes
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/