Quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019
:
EDITORIAS
Agncia UDOP | Acar | Biodiesel | Cana-de-Acar | Combustveis Fsseis | Diversas | Economia
Energia | Espao Datagro | Etanol | Frum de Articulistas | Opinio | TV UDOP | ltimas Notcias
Biodiesel Aumentar a letra    Diminuir a letra
Especialistas defendem incentivo produo de biocombustveis  

12/07/2018 - A produo de biocombustveis contribui para reduzir a importao de combustveis fsseis, conduz ao ganho de eficincia energtica, permite a previsibilidade da demanda e gera emprego, avaliaram nesta quarta-feira (11) os participantes de audincia pblica interativa sobre o RenovaBio, promovida pela Comisso Mista Permanente sobre Mudanas Climticas (CMMC).

O programa, que se encontra em fase de regulamentao e ter incio em 2020, reconhece o papel estratgico de todos os tipos de biocombustveis na matriz energtica brasileira, tendo em vista a segurana interna e a reduo de emisso dos gases que contribuem para o aquecimento global.

Diretor da Secretaria de Mudana do Clima e Florestas do Ministrio do Meio Ambiente, Jos Domingos Gonzalez Miguez disse que a mdia de energia renovvel na matriz mundial de 13%, enquanto a do Brasil atinge 42%, contra a mdia de 6% dos pases da Organizao para a Cooperao e Desenvolvimento Econmico (OCDE).

Temos uma matriz energtica extremamente renovvel. Ns j somos baixo carbono. A estratgia do Brasil no manter, mas ampliar. A gente prope que a participao da energia renovvel seja de 45%. O pas vai crescer at 2030, a populao vai subir na ordem de 28 milhes de pessoas afirmou.

Miguez disse ainda que os pases promotores da Revoluo Industrial, sobretudo o Reino Unido, so os maiores responsveis pela emisso de gases do efeito estufa.

A evoluo de nossas emisses recente, comea com a industrializao, por volta de 1950. Nossa responsabilidade pequena, e a contribuio muito grande. Desde 2005, o pas vem reduzindo as emisses. importante a participao do RenovaBio, ver como vai ser feita a regulamentao, como fazer a transio gradual de olho nas condies de mercado para que no haja desabastecimento afirmou.


Mercado de carbono

Representante do Ministrio de Minas e Energia, Miguel Ivan Lacerda de Oliveira disse que a regulamentao do RenovaBio deve ser flexvel para no prejudicar o setor. O programa prev a emisso de ttulo de comercializao de carbono, cuja comercializao ocorrer via Bolsa de Valores.

Se a gente tiver grande custo de transao ou burocracia no lanamento poder ter um mercado menor do que a gente poderia ter. Estamos otimistas, mas sempre cuidadosos com o que precisa ser feito com o RenovaBio afirmou.

Representante da Embrapa Meio Ambiente, Marcelo Augusto Boechat Morandi disse que as mudanas e incrementos tecnolgicos mobilizam o mercado, favorecem a reduo das emisses e promovem melhorias em toda a cadeia produtiva.

Quanto maior a eficincia produtiva menor a emisso de carbono. A mudana de uso da terra tem impacto nas emisses. O grande problema do uso da terra est no avano de vegetao nativa. A expanso deve ser feita em pastos degradados. Isso garante a preservao. Ganhamos em produtividade e eficincia afirmou.


Poluio

Presidente do Frum Nacional Sucroenergtico, Andr Rocha lamentou os prejuzos causados pela poluio ambiental decorrente do uso de combustveis fsseis.

Mais pessoas morrem pela poluio do ar na Alemanha do que por acidentes de trnsito. S no estamos em crise maior de energia e abastecimento porque estamos mergulhados em recesso afirmou.

Diretor de Estudos do Petrleo, Gs e Biocombustveis da Empresa de Pesquisa Energtica (EPE), Jos Mauro Ferreira Coelho disse que o mundo vive uma transio para a economia de baixo carbono, e que a volatilidade nos preos do petrleo, o advento de novas formas energticas e ameaas geopolticas contribuem para a adoo de biocombustveis.


Subsdio ao diesel

Diretor da Unio Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene (Ubrabio), Donizete Tokarski afirmou que o RenovaBio abre uma janela e oportunidades para o Brasil, que importa anualmente 15 bilhes de litros de diesel fssil. Ele criticou o subsdio dado pelo governo a esse tipo de combustvel, o qual poderia ser usado como incentivo produo de biocombustveis, que tm compromisso com a qualidade de vida da populao e reduzem em mais de 70% a emisso de poluentes.

Representante da Unio da Indstria de Cana-de-Acar (Unica), Luciano Rodrigues disse que o RenovaBio cria uma diretriz mais clara sobre a participao dos biocombustveis na matriz energtica brasileira, alm de induzir a ganhos de eficincia.

Relator da comisso mista, o senador Jorge Viana (PT-AC) disse que o Brasil ainda sofre com o desmatamento e est atrasado na recomposio de florestas, mas apontou avanos na questo energtica.

Tivemos grande progresso com energia elica no Nordeste, andamos um pouco na energia solar. E no podemos ficar refm de leo diesel e gasolina em um pas continental como o nosso afirmou.

11/07/18
Paulo Srgio Vasco

Fonte: Agncia Senado
Notcias de outros veculos so oferecidas como mera prestao de servio
e no refletem necessariamente a viso da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notcias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notcias Relacionadas
20/02/19 - Importador de combustvel restringe negcios por atuao da Petrobras, diz Abicom
19/02/19 - ANP v crescimento do mercado de combustveis acima do PIB em 2019
18/02/19 - Anfavea descumpre acordo e apresentar relatrio unificado contra o B15
  - Anfavea diz recomendar que governo no aumente mistura de biodiesel para 15%
15/02/19 - Anfavea aponta problemas com aumento do biodiesel na mistura do diesel
  - ANP aprova mais R$246,2 mi Petrobras em subsdios ao diesel; total chega a R$6 bi
14/02/19 - ANP desiste de impor frmula de formao de preo dos combustveis
12/02/19 - Leilo de biodiesel da ANP comercializa 977,52 milhes de litros
06/02/19 - Estudo da EPE v biocombustveis como fundamentais na era de transio para a eletromobilidade
30/01/19 - UE aceita usar soja dos EUA em biocombustveis at 2021
29/01/19 - Soja: UE aceita usar oleaginosa dos EUA em biocombustveis at 2021
25/01/19 - Renovabio integra prioridades da nova gesto do MME
Para enviar a notcia, basta preencher o formulrio abaixo.
Todos os campos so de preenchimento obrigatrio!
 
Especialistas defendem incentivo produo de biocombustveis
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatrio:
E-mail destinatrio:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentrio:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa Histria
• Misso, Viso e Objetivos
• Trofu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Contatos
Institucional

• Comits de Gesto
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Comits de Gesto
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Frum de Implementao Tecnolgica
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminrio UDOP de Inovao
Imprensa

• Agncia UDOP de Notcias
• ltimas Notcias
• Frum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mdias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produo Brasileira
Servios

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendrio de Eventos
• Guia de Empresas
• ndice Pluviomtrico
• Pesquisas UDOP
• Previso do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrogrficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados

POLÍTICAS DE PRIVACIDADE
Desenvolvimento:
/