Segunda-feira, 15 de outubro de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Diversas Aumentar a letra    Diminuir a letra
Regulamentação do Rota 2030 deve sair até o fim do ano, promete MDIC  

06/08/2018 - Antes que o Rota 2030 entre efetivamente em vigor, muitas regulamentações precisam ser editadas para tornar possível a aplicação da nova política industrial para o setor automotivo, aprovada em linhas gerais por Medida Provisória publicada no último dia 7 de julho.

"Será resolvido neste governo, deveremos aprovar tudo até o fim do ano", prometeu o ministro Marcos Jorge de Lima, titular da pasta do Ministério da Indústria, Serviços e Comércio Exterior (MDIC), onde as principais diretrizes do programa foram gestadas ao longo de mais de um ano de discussões e embate com o Ministério da Fazenda, que bloqueou boa parte dos incentivos fiscais previstos inicialmente.

A primeira e maior regulamentação do Rota 2030 é o decreto presidencial para detalhar os vários pontos do programa, como por exemplo metas numéricas e prazos exatos para atingir níveis de eficiência energética. Em tese, o documento deve ser publicado no Diário Oficial da União até 30 dias depois da assinatura da Medida Provisória, até o próximo dia 7, portanto.

"O decreto está quase pronto, faz 10 dias que encaminhamos o texto para análise da Receita Federal, mas restam poucas dúvidas. Acho que não teremos problemas em aprovar até a semana que vem", avalia Igor Calvet, secretário de Desenvolvimento e Competitividade Industrial do MDIC, que ao lado do ministro Marcos Jorge participou em São Paulo da abertura do 27º Simpósio de Engenharia Automotiva, Simea 2018, na quarta-feira, 1º.


Aprovação da MP no Congresso

Para que o programa tenha validade efetiva, a Medida Provisória que o criou precisa ser aprovada e convertida em lei pelo Congresso Nacional em até 120 dias. "Já foi constituída a comissão mista [de deputados e senadores] que vai avaliar a MP e encaminhá-la para votação. Há duas janelas para que ela seja votada: no fim de agosto ou então como plano B em novembro, depois das eleições", informa Calvet - que não descarta uma possível reedição da MP caso isso seja necessário.

O ministro Marcos Jorge avalia que não haverá problemas em aprovar a MP: "O Congresso está comprometido", confia. Para ele, as dezenas de emendas parlamentares já apresentadas ao projeto não deverão desfigurar ou comprometer o Rota 2030. "Estamos atentos ao texto. Qualquer emenda para melhorar o programa nós acolhemos, mas vamos medir qualquer outro impacto indesejável", acrescentou.

De acordo com o procedimento parlamentar, o relator da MP poderá aceitar ou rejeitar as emendas apresentadas. Ainda mais adiante, a Presidência da República poderá vetar parcialmente artigos da lei caso algum adendo acrescentado na no Congresso seja julgado inconveniente.


>Após o decreto, 10 portarias

Após a publicação do decreto de regulamentação do Rota 2030 esperado para a semana que vem, já está no horizonte do MDIC a edição até o fim do ano de 10 portarias ministeriais, que servem para determinar especificações técnicas dos diversos artigos do programa.

"As linhas gerais dessa regulamentação já estão escritas e a ideia é publicar tudo até o fim do ano", afirma Margarete Gandini, diretora do Departamento das Indústrias de Equipamentos de Transporte, sob o mesmo guarda-chuva da Secretaria de Desenvolvimento e Competitividade Industrial do MDIC.

A diretora informou ainda que as portarias deverão ser colocadas em consulta pública antes de entrar em vigor. Ela avalia que até o momento as 10 são suficientes para regulamentar por completo o Rota 2030, ao contrário do que aconteceu com o programa anterior, o Inovar-Auto, que terminou em 2017 sem que todos os seus princípios fossem regulamentados.

"Por enquanto contemplamos tudo, mas é preciso considerar que toda política industrial é dinâmica, algumas adaptações e mais algumas portarias podem ser necessárias ao longo do programa", ponderou.

01/08/2018
Fonte: AutomotiveBusiness
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
15/10/18 - Crescimento de vendas e produção de veículos no Brasil deve desacelerar em 2019, prevê Anfavea
  - Carro flex: etanol ou gasolina?
11/10/18 - Autonomia dos carros elétricos está subindo
10/10/18 - Taxistas e pessoas com deficiência poderão ter isenção na compra de carro elétrico
09/10/18 - Produção de motos sobe 5,2% em setembro, diz Abraciclo
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Regulamentação do Rota 2030 deve sair até o fim do ano, promete MDIC
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário UDOP de Inovação
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/