Quarta-feira, 15 de agosto de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Combustíveis Fósseis Aumentar a letra    Diminuir a letra
Retirada de petróleo de retaliação comercial é alívio para Sinopec na China  

10/08/2018 - A decisão da China de remover o petróleo bruto de sua última lista tarifária em meio a uma crescente guerra comercial com os Estados Unidos foi um alívio para petrolíferas estatais, após um forte esforço de lobby do principal importador, a Sinopec Group, disseram fontes do setor em Pequim.

A retirada do petróleo da lista final de tarifas sobre 16 bilhões de dólares em bens norte-americanos anunciada na noite de quarta-feira reforça a crescente importância dos Estados Unidos como principal produtor global e fonte alternativa de suprimento para a China, que busca diversificar suas compras de petróleo.

A remoção de importações de petróleo, avaliadas em 8 bilhões de dólares por ano com base na previsão anterior da Sinopec, de 300 mil barris por dia em 2018, também dá espaço de manobra para Pequim em futuras negociações com Washington, especialmente porque a China poderá perder algumas remessas de petróleo iranianas devido à reimposição de sanções pelos EUA."A Sinopec fez muito trabalho de lobby com o governo", disse uma pessoa com conhecimento direto dos esforços da refinaria estatal para influenciar a decisão política de vários órgãos, como o Ministério das Finanças e o Ministério do Comércio.

A Sinopec recusou-se a comentar.

"Os EUA serão a maior fonte única de nova oferta de petróleo fora da Opep. É do interesse da China diversificar o suprimento", disse uma segunda fonte, que trabalha com operações de petróleo em uma estatal.

Chen Aizhu (Reportagem adicional de Gary McWilliams, em Houston, e Henning Gloystein, em Cingapura)
Fonte: Reuters
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
14/08/18 - Petróleo opera em alta, em meio a riscos para oferta e com dólar fraco
13/08/18 - Arábia Saudita corta produção com Opep prevendo superávit em 2019
  - Petróleo fica sem direção única após Opep apontar aumento da produção
  - Produção de petróleo da Opep sobe em julho, apesar de redução da Arábia Saudita
  - Demanda do Brasil por petróleo sobe a 2,723 milhões de barris por dia em junho
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Retirada de petróleo de retaliação comercial é alívio para Sinopec na China
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/