Segunda-feira, 25 de maro de 2019
:
banner
EDITORIAS
Agncia UDOP | Acar | Biodiesel | Cana-de-Acar | Combustveis Fsseis | Diversas | Economia
Energia | Espao Datagro | Etanol | Frum de Articulistas | Opinio | TV UDOP | ltimas Notcias
Frum de Articulistas Aumentar a letra    Diminuir a letra
A Hora e a Vez do Carro Eltrico! Mas, que Carro Eltrico melhor para o Brasil?  

03/10/2017 - No mundo ps-Guerra, desenvolveram-se estruturas Sociais, Empresariais e Governamentais, que passam a estabelecer regras e comportamentos, atravs de acordos bilaterais e multilaterais, sempre focando na harmonia entre os povos, suprimento das necessidades humanas, desenvolvimento econmico e social, com reduo das desigualdades, apoiado no aumento das relaes culturais e comerciais entre os pases.

Porm, na ltima dcada, mesmo com o fim da Guerra Fria, assistimos constantemente conflitos, com aes terroristas, sinalizando claramente a instabilidade existente em partes do mundo, muitas vezes resultado de excessos das intervenes externas.

As diferenas ideolgicas, religiosas e culturais, dificultam a criao de compromissos globais de longo prazo, que contemplem o equilbrio dos interesses, condio fundamental para a credibilidade e sustentao poltica dos tratados.

As foras estabelecidas pelo poder econmico das naes mais desenvolvidas, com maior capacidade de negociao, tornam-se obstculos para a busca do equilbrio utpico, uma vez que quem concede sempre valoriza mais o que perde que o que recebe.

Atualmente, grandes naes sinalizam claramente intenes no sentido inverso da evoluo das relaes, criando barreiras e dificuldades que alimentam o enfurecimento dos descontentes.

Muitas regies do Mundo j so insustentveis em relao gua, recurso natural mais bsico para a vida. Outras, dependem fundamentalmente do outro lado do mundo, para alimentar sua gente. Portanto, temos desafios importantes para tratar, de maneira responsvel e sensata.

O desenvolvimento econmico e social vivenciado nas ltimas dcadas, tem seus efeitos colaterais, que necessitam viso de longo prazo global, que suportem polticas internacionais coerentes localmente e integradoras globalmente.

Em 2050 a populao mundial estimada ser de 9 bilhes de pessoas. O consumo de energia est diretamente relacionado com o desenvolvimento, portanto, de se esperar que o consumo de energia cresa mais que o crescimento populacional.

Tambm est cientificamente comprovado que o consumo de energia est diretamente relacionado qualidade do ar que respiramos, portanto, inversamente proporcional s condies de sade.

Torna-se imperioso buscarmos solues que minimizem estes impactos.

As diretrizes para estas polticas foram discutidas durante a COP 21, em Paris, estabelecendo metas de redues nas emisses de carbono para as naes.

Como garantir as redues de emisses em um mundo com maior nmero de pessoas, consumindo mais energia? Podemos citar duas rotas que em conjunto podem minimizar o impacto negativo do desenvolvimento: reduo de consumo, com tecnologias propulsoras mais eficientes; matriz energtica de fontes limpas e renovveis.

Provavelmente solues distintas sero implementadas em cada regio do Planeta, mesmo porque existem condies muito diversas em cada parte do mundo.

Precisamos pensar solues para o Brasil, mais adequadas a nosso Pas, mesmo que estas tenham dificuldades de serem replicadas em outras partes do mundo.

Constantemente ouvimos dizer que o maior problema do Brasil, exatamente a falta de condies adversas, sem frio excessivo, sem calor excessivo, sem terremoto, sem furaco, etc.

Alm destes fatores, somos a mais importante economia tropical do mundo, com enorme potencial de produo de alimentos e biomassa, alm da riqueza em gua.

Diferentemente das maiores economias do mundo, j implementamos uma soluo invejada pelo mundo, com o etanol para uso automotivo, substituindo quase metade da gasolina veicular.

Atualmente a indstria automotiva mundial est debruada na busca de solues para aumentar a eficincia dos motores e alternativas para massificar veculos eltricos. preciso uma anlise tcnica bem fundamentada para cada soluo estudada, observando-se a eficincia e as emisses.

Estudos indicam as seguintes tecnologias: Carro hbrido, com motor a combusto e motor eltrico, com bateria de recarga automtica; Carro eltrico, Plun-in, com motor eltrico e banco de baterias, necessita tempo para recarga; Carro eltrico movido a clula de combustvel.



Com relao s emisses, o carro movido a etanol, uma soluo muito prxima do ideal, mesmo com motor a combusto, atualmente 45g CO2 e/km.

Atualmente os carros eltricos Europeus, emitem 75g CO2 e/km, com previso para 40g CO2 e/km em 2040, quando espera-se ter uma matriz de gerao eltrica mais limpa.

Ou seja, o carro movido a etanol atualmente tem nveis de emisses 40% abaixo das emisses dos carros eltricos Europeus.

As melhores solues quanto s emisses, so: Carro hbrido utilizando etanol; Carro eltrico consumindo energia eltrica de fonte renovvel; Carro movido clula de combustvel, utilizando etanol. Todas estas alternativas emitem cerca de 17g CO2 e/KM, 58% menos que as emisses dos carros eltricos europeus, de acordo com a matriz de gerao prevista para 2.040 em toda Europa.

Com relao ao consumo, teremos a seguinte evoluo em relao ao motor combusto: com o carro hbrido 30% menos; carro eltrico 50% menos; clula de combustvel 52% menos.

Portanto, se quisermos contemplar os principais fatores, consumo e emisses, a melhor soluo clula de combustvel, a segunda opo carro eltrico movido energia renovvel e a terceira opo o carro hbrido movido etanol.

O grande obstculo para as alternativas que utilizam etanol, , principalmente, a rede de abastecimento, problema j resolvido no Brasil. Portanto, o Brasil poder ser o nico pas do mundo a prover as melhores solues ambientais e tecnolgicas para uso automotivo.

preciso conhecermos as tecnologias disponveis e em desenvolvimento, seus impactos e suas limitaes.

Somente assim seremos capazes de fazer nossas melhores escolhas, que respondam aos nossos interesses e respeitem nossas vocaes.

Acreditamos na necessidade do desenvolvimento de tecnologia para os carros eltricos, superando obstculos principalmente relacionados s baterias; custo, autonomia, disposio final e vida til. Solues certamente surgiro com o desenvolvimento de materiais mais adequados, abundantes, baixo custo e inertes ao Meio Ambiente.

Com polticas de longo prazo bem definidas, recursos sero adequadamente alocados, pesquisas melhor direcionadas e mo de obra corretamente qualificada.

O Brasil pode antecipar o prazo para cumprimento das metas estabelecidas durante a COP21 e tomar a frente nas questes internacionais relacionadas energia e Meio Ambiente.

O Brasil continuar a mostrar ao mundo sua competncia na superao dos obstculos tecnolgicos, desenvolvendo tecnologias automotivas e combustveis limpos e renovveis, adequados ao seu tempo, mantendo nosso papel protagonista que nos condecorou com respeito internacional.

preciso compensar o povo brasileiro, valorizar nossa contribuio para a vida do Planeta, preservando a Amaznia e dispondo da matriz energtica mais limpa e sustentvel do mundo.

Celso Torquato Junqueira Franco
Presidente da UDOP
Os artigos assinados so de responsabilidade de seus autores, no representando,
necessariamente, a opinio e os valores defendidos pela UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notcias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notcias Relacionadas
25/03/19 - Aumento nos preos do etanol no est relacionado com os produtores, diz UNICA
  - Ministro no descarta novas usinas na Amaznia; critica "ideologia" de licenas
  - ONS: previso de vazes no SE permanece prxima MLT
  - Choque de energia
  - Subsistema Nordeste inicia semana acima de 51%
  - Ibovespa fecha em queda com incertezas sobre cena poltica e Previdncia no radar
  - Retomada dos empregos ser consistente em 2019, diz Marinho
  - Ibovespa opera sem tendncia clara por incertezas sobre Previdncia e exterior misto
  - Brasil registra dficit de US$1,134 bi nas transaes correntes em fevereiro
  - Milho: Indicador cai mais de 9% em maro
  - Razen capta R$900 mi em CRAs e contrata nova linha de US$500 mi com dez bancos
  - Enchentes foram desligamento de um sexto da produo de etanol nos EUA
  - Com menor gerao de energia, consumo de gs natural cai 7,87% em janeiro
  - ANP: etanol sobe em 22 estados; preo mdio avana 0,24% no pas
  - ANP: etanol continua competitivo com gasolina em apenas 4 estados brasileiros
22/03/19 - Diretores da UDOP recebem diretor da AGCO
15/03/19 - Disney constri usina solar gigante e espera diminuir 50% de suas emisses at 2020
14/03/19 - Plano de Auxlio Mtuo (PAM) faz 1 reunio do ano de suas regionais
11/03/19 - Governo prope leilo de energia A-4 com hidreltricas, biomassa, solar e elica
  - Biomassa do Setor Sucroenergtico responsvel por 82% da bioeletricidade ofertada no Brasil
07/03/19 - Brasil e Peru assinam declarao para cooperao na rea de energia
01/03/19 - Feriado de Carnaval altera expediente da UDOP
  - Cade aprova aquisio da Monte Verde pela EDP Renovveis Brasil
28/02/19 - Presidente executivo da UDOP palestra sobre Renovabio para alunos da Fatec
22/02/19 - Ministro de Minas e Energia destaca etanol como alternativa para a eletrificao veicular
Para enviar a notcia, basta preencher o formulrio abaixo.
Todos os campos so de preenchimento obrigatrio!
 
A Hora e a Vez do Carro Eltrico! Mas, que Carro Eltrico melhor para o Brasil?
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatrio:
E-mail destinatrio:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentrio:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa Histria
• Misso, Viso e Objetivos
• Trofu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Contatos
Institucional

• Comits de Gesto
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Comits de Gesto
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Frum de Implementao Tecnolgica
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminrio UDOP de Inovao
Imprensa

• Agncia UDOP de Notcias
• ltimas Notcias
• Frum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mdias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produo Brasileira
Servios

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendrio de Eventos
• Guia de Empresas
• ndice Pluviomtrico
• Pesquisas UDOP
• Previso do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrogrficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados

POLÍTICAS DE PRIVACIDADE
Desenvolvimento:
/