Segunda-feira, 25 de maro de 2019
:
banner
EDITORIAS
Agncia UDOP | Acar | Biodiesel | Cana-de-Acar | Combustveis Fsseis | Diversas | Economia
Energia | Espao Datagro | Etanol | Frum de Articulistas | Opinio | TV UDOP | ltimas Notcias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Saldo comercial do agronegcio alcana US$ 7,79 bilhes em maro  

10/04/2018 - As exportaes do agronegcio somaram US$ 9,08 bilhes, em maro, registrando crescimento de 4,1% em relao ao mesmo ms do ano anterior, quando as vendas foram de US$ 8,73 bilhes. As importaes de produtos do setor alcanaram US$ 1,29 bilho (-6,9% abaixo de maro de 2017). Como resultado, a balana comercial do setor registrou saldo positivo da ordem de US$ 7,79 bilhes.

Os produtos do agronegcio representaram 45,2% do total das vendas externas brasileiras no ms, com aumento de quase dois pontos percentuais de participao comparado a maro do ano passado.

Os produtos de origem vegetal foram os que mais contriburam para o crescimento das exportaes do setor, com incremento de US$ 417,08 milhes, principalmente em funo de produtos florestais, cujas vendas externas foram US$ 374,49 milhes superiores. Se destacaram outros setores, como sucos (+US$ 107,51 milhes); cereais, farinhas e preparaes (+US$ 93,55 milhes); fumo e seus produtos (+US$ 78,84 milhes) e fibras e produtos txteis (+US$ 27,97 milhes).

Quanto ao valor exportado destacaram-se: complexo soja (44,3%), carnes (14,8%), produtos florestais (13,9%), complexo sucroalcooleiro (7,0%) e caf (4,5%). Os cinco setores representam 84,4% das exportaes do setor.

O complexo soja registrou montante de US$ 4,03 bilhes em exportaes no ms, o que representou queda de 0,8% sobre maro/2017. A reduo na quantidade embarcada do gro (-1,8%), aliada a um preo mdio 1% inferior, resultou na reduo, em valor, de 2,8%, passando de US$ 3,53 bilhes em maro de 2017 para US$ 3,44 bilhes, explica o coordenador de Competitividade do Departamento de acesso a Mercados do Mapa, Luiz Fernando Wosch.

J as exportaes de farelo de soja registraram crescimento de 16,8%, atingindo US$ 507,14 milhes, enquanto as exportaes de leo de soja diminuram 5,8%, com US$ 84,47 milhes.


Recorde

As carnes ocuparam a segunda posio no ranking, alcanando US$ 1,34 bilho, praticamente o mesmo valor registrado no ms em 2017. O principal produto do setor foi a carne bovina, cujas vendas foram de US$ 591,97 milhes, recorde histrico para maro. Em relao ao mesmo ms em 2017 houve incremento de 22,1% das vendas, em funo da ampliao da quantidade em 24,1%, que compensou a queda de 1,6% no preo.

As exportaes de frango apresentaram queda de 9,7%, com US$ 580,59 milhes. Alm da retrao da quantidade (-1,6%), houve queda no preo mdio do produto (-8,2%). Tambm houve queda nas vendas de carne suna (-23,4%), decorrentes tanto da retrao na quantidade embarcada (-7,8%), quanto do preo (-16,9%).


Importaes

As importaes de produtos do agronegcio sofreram queda de US$ 96,09 milhes na comparao com maro de 2017 e maro de 2018. Os principais produtos adquiridos pelo Brasil foram: pescados (US$ 142,72 milhes); lcool etlico (US$ 135,19 milhes); trigo (US$ 87,73 milhes); papel (US$ 78,73 milhes) e vesturio e produtos txteis de algodo (US$ 58,35 milhes).

Alm dos pescados e do trigo, outros produtos que tiveram as maiores redues em importaes foram arroz (-US$ 30,93 milhes); lcteos (-US$ 22,53 milhes) e malte (-US$ 15,24 milhes


Destinos

A sia se manteve como principal regio de destino das exportaes do agronegcio, somando US$ 4,65 bilhes. A Unio Europeia ocupou a segunda posio no ranking de blocos econmicos e regies geogrficas de destino das vendas externas do agronegcio brasileiro no ms. Houve crescimento de 22,9% nas vendas ao mercado, decorrentes, principalmente, do aumento nas exportaes de celulose (+162,6%); soja em gros (+59,7%); sucos de laranja (+38,8%); fumo no manufaturado (+120,2%) e farelo de soja (+12,9%).


Acumulado no ano

No acumulado do primeiro trimestre de 2018, as exportaes brasileiras do agronegcio atingiram US$ 21,47 bilhes, cifra que supera em 4,6% o resultado de igual perodo do ano passado, significando recorde para resultados de janeiro a maro. Tal acrscimo atribui-se ao aumento de 6,7% na quantidade embarcada, uma vez que houve queda de 1,9% no ndice de preo.

As importaes recuaram 3,9% no trimestre, caindo de US$ 3,76 bilhes para US$ 3,61 bilhes, desempenho explicado, sobretudo, pela queda de 3,8% no ndice de quantidade, enquanto o ndice de preo teve ligeiro decrscimo de 0,1%, de acordo com Luiz Fernando Wosch.

Com isso, o superavit comercial do agronegcio subiu de US$ 16,76 bilhes para US$ 17,86 bilhes, constituindo cifra recorde para perodos de janeiro-maro.


Resultado em 12 meses

As exportaes do agronegcio atingiram US$ 96,96 bilhes nos ltimos 12 meses, apurados entre abril de 2017 e maro deste ano. O nmero representa crescimento de 13,5% em relao aos US$ 85,42 bilhes exportados entre abril de 2016 e maro de 2017. O incremento das exportaes ocorreu em funo, principalmente, do aumento da quantidade exportada, que subiu 13%. O ndice que mede o preo das exportaes apresentou alta de 0,5%.

As importaes do agronegcio diminuram de US$ 14,35 bilhes entre abril de 2016 e maro de 2017 para US$ 14,01 bilhes entre abril de 2017 e maro de 2018 (-2,4%). A queda de 9,6% no ndice de preo dos produtos importados explica, em grande parte, a reduo do valor das importaes. O quantum importado, por outro lado, aumentou 8,0%.

O crescimento das exportaes com concomitante reduo das importaes fez com que o saldo comercial do agronegcio aumentasse de US$ 71,07 bilhes registrados entre abril de 2016 e maro de 2017 para US$ 82,96 bilhes entre abril de 2017 e maro de 2018.

Os cinco principais setores exportadores do agronegcio apurados em 12 meses foram: complexo soja (participao de 32,7% nas exportaes do agronegcio); carnes (participao de 15,9%); produtos florestais (participao de 12,8%); complexo sucroalcooleiro (participao de 11,8%); e cereais, farinhas e preparaes (participao de 5,8%).

O coordenador de Competitividade do Departamento de Acesso a Mercados do Mapa observou que, na relao dos vinte maiores importadores do agronegcio, tiveram crescimento na aquisio de produtos brasileiros em ndices acima de 30%: Egito (+92,4%; US$ 2,15 bilhes); Espanha (+49,7%; US$ 2,12 bilhes); Bangladesh (+41,3%; US$ 1,51 bilho); Vietn (+33,6%; US$ 1,46 bilho); Emirados rabes Unidos (+33,5%; US$ 1,76 bilho); e Hong Kong (+31,1%; US$ 2,67 bilhes).

09/04/18
Fonte: Ministrio da Agricultura, Pecuria e Abastecimento
Notcias de outros veculos so oferecidas como mera prestao de servio
e no refletem necessariamente a viso da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notcias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notcias Relacionadas
22/03/19 - Bovespa fecha em queda de 3,1% e vai abaixo dos 94 mil pontos com cenrio poltico no radar
  - Dlar dispara 2,7%, maior alta desde maio de 2017, com receio sobre Previdncia e exterior
  - Conab avalia que aumento das exportaes de soja podem afetar mercado interno
  - Priso de Temer e reforma de militares afastam Bolsa dos 100 mil pontos
  - Brasil no abre mo de status de pas em desenvolvimento, diz diretor da OMC
  - USDA informa venda de 300 mil t de milho para a China
  - Cotaes do milho em Chicago seguem firmes e valorizadas nessa sexta-feira
  - Milho abre a sexta-feira ainda em alta na Bolsa de Chicago
  - Soja trabalha em campo misto nesta 6 feira se divindo entre clima e guerra comercial
  - Mesmo com enchentes nos EUA, mercado de soja no reage
21/03/19 - PIB do agronegcio encerra 2018 com estabilidade
20/03/19 - PIB do Agronegcio tem variao negativa de 0,01% em 2018 ante 2017, diz Cepea
  - No agronegcio, o Brasil d muito aos EUA e recebe pouco
  - Exportao do agronegcio do RS cai 48% em volume e 28% em receita
19/03/19 - Faturamento com exportaes do agro recua 28% no RS
01/11/18 - Bancos garantem financiamento para bons projetos no setor sucroenergtico
29/10/18 - Aps as eleies, setor sucroenergtico espera manuteno do programa RenovaBio
31/08/18 - Setor sucroalcooleiro vai impulsionar crescimento de MT
10/08/18 - Usina Coruripe premiada por aes de responsabilidade social e clima organizacional
  - O ltimo vdeo da campanha Setor sucroenergtico, bom para o planeta, bom para o Brasil, bom para
  voc j est disponvel
Para enviar a notcia, basta preencher o formulrio abaixo.
Todos os campos so de preenchimento obrigatrio!
 
Saldo comercial do agronegcio alcana US$ 7,79 bilhes em maro
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatrio:
E-mail destinatrio:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentrio:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa Histria
• Misso, Viso e Objetivos
• Trofu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Contatos
Institucional

• Comits de Gesto
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Comits de Gesto
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Frum de Implementao Tecnolgica
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminrio UDOP de Inovao
Imprensa

• Agncia UDOP de Notcias
• ltimas Notcias
• Frum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mdias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produo Brasileira
Servios

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendrio de Eventos
• Guia de Empresas
• ndice Pluviomtrico
• Pesquisas UDOP
• Previso do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrogrficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados

POLÍTICAS DE PRIVACIDADE
Desenvolvimento:
/