Sbado, 23 de maro de 2019
:
banner
EDITORIAS
Agncia UDOP | Acar | Biodiesel | Cana-de-Acar | Combustveis Fsseis | Diversas | Economia
Energia | Espao Datagro | Etanol | Frum de Articulistas | Opinio | TV UDOP | ltimas Notcias
Opinio Aumentar a letra    Diminuir a letra
O desmonte da recuperao  

11/06/2018 - Desde o segundo trimestre do ano passado assistimos a uma recuperao da atividade que parecia bastante robusta. Embora o crescimento no ano tenha sido de apenas 1%, a evoluo ao longo do tempo projetava algo como 3% a 3,5% para 2018.

Essa era minha expectativa, e ela se revelou um erro. De fato, durante o primeiro trimestre os nmeros foram seguidamente frustrantes, o que levou a uma reduo nas projees de crescimento feitas pela maior parte dos analistas, inclusive pela MB, para a faixa de 2,5%.

O que foi especfico deste ano que os setores que puxaram a recuperao continuaram a performar bem no incio do ano.

Falo de segmentos da indstria de transformao, como bens de consumo durveis e bens de capital, cujos resultados no primeiro quadrimestre foram bastante bons. Os primeiros indicavam crescimento tanto em veculos quanto em utilidades domsticas e bens de consumo eletrnicos, nesse caso estimulados tambm por uma importante expanso no crdito para as famlias.

Em mquinas, mencionamos mais de uma vez, uma situao tambm peculiar no mercado interno: apesar da ausncia de grandes projetos novos, muitas companhias estavam repondo parte dos equipamentos desgastados e no substitudos nos ltimos anos. Alm disso, as exportaes de equipamentos foram muito boas at abril. Ainda no lado da produo, minerao e petrleo andam bastante bem, como atesta o bem-sucedido leilo na ltima semana.

Finalmente, o setor agropecurio conseguiu manter e at aumentar um pouco o elevado patamar de produo obtido em 2017. Do lado da demanda, exportaes e consumo das famlias davam suporte a esse desempenho.

O que no houve, e da a frustrao, foi a esperada difuso positiva sobre os segmentos que estavam mais atrasados, sendo que o mais importante deles foi a construo civil, na qual apenas o segmento do Minha Casa, Minha Vida segue relativamente bem.

Nas obras pblicas, a falta de dinheiro universal e, no setor de residncias, o fenmeno da devoluo de imveis j comercializados continua amassando o mercado. Com a construo no evoluindo, a reduo do desemprego ficou mais lenta, o que deve explicar o mau desempenho do setor de bens de consumo no durveis.

Em terceiro lugar est o segmento de bens intermedirios, no qual a questo no apenas de uma demanda que anda pouco, mas muito mais do crescimento das importaes.

Entretanto, em meados de maio configurou-se rapidamente um cenrio de crise, que resultou da confluncia de duas tendncias, ruins e incertas, com dois fatos detonadores, o Copom e a greve dos caminhoneiros.

A primeira tendncia ruim que o cenrio internacional, que vinha muito tranquilo, est claramente piorando. Na poltica, temos disputas dos Estados Unidos com China, Coreia do Norte e Ir e crises na Europa (Brexit, Europa Oriental, mudanas de governo na Itlia e na Espanha).

Na rea comercial, Trump briga com todo mundo e ameaa renegar todos os acordos j feitos, como o que j ocorreu com o TPP. Finalmente, a combinao de pleno emprego com poltica fiscal expansionista e das tarifas est levando a uma alta dos juros e ao fortalecimento do dlar.

Nada disso bom para o Brasil.

Na poltica interna, depois do receio de uma polarizao Lula x Bolsonaro, veio o temor de uma final Ciro x Bolsonaro, resultado, inclusive, da grande fragmentao do chamado "centro democrtico".

Essas incertezas encontraram na deciso do Copom em 16 de maio e na greve dos caminhoneiros os detonadores da paralisia da economia e de uma crise nos mercados.

Se esta ltima poder ser contornada com uma ao firme do Banco Central (como aconteceu na sexta-feira), o enfraquecimento do governo no tem soluo. Basta ver a pssima gesto da crise e as idas e vindas da tabela de fretes.

Independentemente do que possa acontecer adiante, j temos uma vtima fatal: o crescimento de 2018.

10/06/18
Jos Roberto Mendona de Barros - Economista e scio da MB Associados

Fonte: O Estado de S. Paulo
Os artigos assinados so de responsabilidade de seus autores, no representando,
necessariamente, a opinio e os valores defendidos pela UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notcias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notcias Relacionadas
22/03/19 - Bovespa fecha em queda de 3,1% e vai abaixo dos 94 mil pontos com cenrio poltico no radar
  - Dlar dispara 2,7%, maior alta desde maio de 2017, com receio sobre Previdncia e exterior
  - Conab avalia que aumento das exportaes de soja podem afetar mercado interno
  - Priso de Temer e reforma de militares afastam Bolsa dos 100 mil pontos
  - Brasil no abre mo de status de pas em desenvolvimento, diz diretor da OMC
  - Leilo de portos movimenta R$219,5 milhes
  - Leilo de 4 terminais porturios deve gerar R$ 200 mi em investimento em Vitria e na Paraba
  - Governo leiloa hoje quatro reas porturias
  - Em NY, Tereza Cristina refora a investidores inteno de melhor logstica do pas
21/03/19 - PIB do agronegcio encerra 2018 com estabilidade
20/03/19 - Porto de Santos ter capital privado em 4 anos, diz novo presidente
  - PIB do Agronegcio tem variao negativa de 0,01% em 2018 ante 2017, diz Cepea
  - No agronegcio, o Brasil d muito aos EUA e recebe pouco
  - Exportao do agronegcio do RS cai 48% em volume e 28% em receita
19/03/19 - Faturamento com exportaes do agro recua 28% no RS
Para enviar a notcia, basta preencher o formulrio abaixo.
Todos os campos so de preenchimento obrigatrio!
 
O desmonte da recuperao
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatrio:
E-mail destinatrio:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentrio:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa Histria
• Misso, Viso e Objetivos
• Trofu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Contatos
Institucional

• Comits de Gesto
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Comits de Gesto
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Frum de Implementao Tecnolgica
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminrio UDOP de Inovao
Imprensa

• Agncia UDOP de Notcias
• ltimas Notcias
• Frum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mdias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produo Brasileira
Servios

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendrio de Eventos
• Guia de Empresas
• ndice Pluviomtrico
• Pesquisas UDOP
• Previso do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrogrficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados

POLÍTICAS DE PRIVACIDADE
Desenvolvimento:
/