UDOP - União Nacional da Bioenergia
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Açúcar Aumentar a letra    Diminuir a letra
Conab reduz produção de açúcar para 29 milhões de toneladas  

24/04/2019 - A Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) divulgou nesta terça-feira (23) os dados finais da safra 2018/19 do setor de cana-de-açúcar.

Partindo de dados de moagem de cana bem próximo aos da Unica (União da Indústria de Cana-de-Açúcar) e aos do Mapa (Ministério da Agricultura), a Conab chegou a resultados bem diferentes na produção de açúcar.

O órgão estatal refez alguns cálculos durante o dia e trouxe os números para volumes mais próximos dos da Unica e dos do IBGE.

A moagem nacional de cana ficou em 620 milhões de toneladas, e a do centro-sul, em 573 milhões.

A produção de açúcar, inicialmente prevista em 31,35 milhões de toneladas, recuou para 29,04 milhões.

Com os novos dados, o órgão indicou uma redução de 9 milhões na produção de açúcar desta safra, em relação à anterior.

Um dos principais ajustes foi nos números de São Paulo. A Conab reajustou os dados do estado para 18,2 milhões de toneladas, 2 milhões menos do que previa antes e mesmo volume apurado pela Unica. A perda deste ano, em relação ao volume do anterior, é de 5,7 milhões de toneladas.

Minas Gerais, o segundo maior produtor do país, chegou a 3,1 milhões de toneladas, com redução de 1,2 milhões nesta safra.

O órgão estatal aponta volume recorde de 33,14 bilhões de litros e etanol no país. Desse volume, 23,6 bilhões foram de álcool hidratado, 45% mais do que o da safra anterior.

Mais uma indústria do setor de máquinas agrícolas chega ao Brasil. É a alemã Fendt, ligada à AGCO. Com a proposta de atender a grandes produtores e que se utilizam de muita tecnologia, a empresa terá como foco inicial o estado de Mato Grosso. Na sequência seguirá para outras regiões e América do Sul.

Após estudo de viabilidade, a empresa optou por se instalar na cidade de Sorriso (MT), na BR-163. Entre os produtos que serão comercializados inicialmente, estão dois tipos de trator.

Inicialmente chega um com potência de 517 cv e custo de US$ 450 mil. Segundo a Fendt, é uma máquina de alta potência e de baixo consumo.

A empresa vai colocar também no mercado uma plantadeira com 40 linhas, um projeto desenvolvido no Brasil.

O equipamento é dobrável, ficando com 4,3 metros de largura, o que facilitará o transporte, segundo José Henrique Galli, diretor da Fendt na América do Sul.

A empresa colocará à disposição dos produtores, ainda, uma nova colheitadeira, um projeto criado do zero e com investimentos de US$ 250 milhões. Com fábricas no Brasil e na Itália, o equipamento se autorregula para adequar melhor velocidade e perdas.

Luis Fernando Felli, presidente da AGCO América do Sul, espera que Estados Unidos e Brasil se tornem os principais mercados para a empresa, após a Europa. Ele acredita nessa expansão porque vai entregar "um produto com tecnologia, qualidade e bons serviços", afirma.


*Texto extraído da coluna Vaivém das Commodities.

Mauro Zafalon
Fonte: Folha de S. Paulo
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
16/08/19 - Biosev reduz hedge de açúcar para produzir mais etanol
  - Contratos futuros do açúcar fecham mistos em Londres e NY
  - Soja sobe em Chicago nesta 6ª e ainda divide atenção entre nova safra e política
  - Soja em Chicago ainda pode recuar 10 cents no curto prazo, mas deve encontrar piso em US$
  8,60/bushel por indefinição da safra
  - Milho: Após três dias com fortes baixas, Bolsa de Chicago registra leves ganhos nesta quinta
15/08/19 - OMC decidirá sobre subsídios à exportação de açúcar da Índia
  - OMC deve abrir disputa contra a Índia em razão de subsídios ao açúcar
  - Preços do açúcar caem nas bolsas internacionais
  - China já comprou 20 navios de soja do Brasil somente nesta semana
  - Milho: Leves altas seguem na Bolsa de Chicago nesta quinta-feira
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Conab reduz produção de açúcar para 29 milhões de toneladas
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário: