Quinta-feira, 20 de junho de 2019
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Diversas Aumentar a letra    Diminuir a letra
Produtores do oeste da Bahia colhem a 2a. maior safra de soja da história da região  

20/05/2019 - Com o fim da colheita da soja no oeste baiano, a Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba) consolida os números da safra 2018/19. O balanço apresentado não divergiu tanto das expectativas do Conselho Técnico da Aiba, que previa uma boa safra do grão. A produtividade, embora menor do que a do ciclo anterior, foi a segunda melhor da história, desde que a soja foi implantada na região. Com uma média de 56 sacas por hectare, o Oeste da Bahia registrou uma produção total de 5,3 milhões de toneladas da oleaginosa.

Com uma área superior a 1,5 milhão de hectares plantados, a soja é o carro-chefe da produção agrícola do oeste da Bahia, ocupando mais de 65% da área total cultivada na região. Daqui saem cerca de 5% da produção nacional e a 58% da produção do Nordeste.

O assessor de agronegócio da Aiba, Luiz Stahlke, ressalta que a previsão inicial de colheita para esta temporada era de 66 sacas por hectare, mas a mudança climática durante o período reduziu essa margem, porém sem causar prejuízos, já que o resultado ainda está acima da média habitual. "Na safra anterior o clima foi favorável em todos os aspectos, nessa safra o veranico se fez presente, mesmo assim o Oeste baiano mostrou o grande potencial produtivo da região, alcançando a segunda melhor média de produtividade", afirma.

O bom resultado obtido também se deve ao fato de que o produtor rural fez corretamente o "dever de casa", adotando medidas conservacionistas e fitossanitária capazes de aumentar a produtividade e garantir a saúde das lavouras. "O produtor rural ficou bem atento aos prazos do vazio sanitário, evitando, assim, a proliferação dos focos de Ferrugem Asiática. Das 175 amostras analisadas pelo Programa e o Consorcio Antiferrugem da Embrapa, foram registrados 16 pontos de ocorrência, mas que foram combatidos em tempo", aponta o coordenador do Programa Fitossanitário da Soja e Milho, Armando de Sá.

A segunda principal cultura da região, o algodão, iniciará a colheita na última semana de maio. De acordo com o levantamento do Conselho Técnico, os 333 mil hectares plantados devem render cerca de 1,4 milhão de toneladas de algodão em caroço. A produtividade média deverá alcançar as cifras de 300 arrobas por hectare.

Já o milho está em plena fase de colheita e, neste momento, tem 50% da área finalizada. Os números preliminares garantem uma produtividade média de 140 sacas, correspondente a uma produção total de 1,2 milhão de caroço. O café mantém produção reduzida de 11,3 para 8,6 mil hectares, com uma produtividade de 44 sacas por hectare.

O Conselho Técnico é formado pelos representantes da Aiba, Abapa, Abacafé, Fundação BA, Sindicatos Rurais de Barreiras e LEM, Sandias, Aprosem, Aciagri, Cargill, Bunge, Cooproeste, Crea, IBGE, Bahiater, Adab, Conab, BNB, Banco do Brasil, Louis Dreyfus, ADM do Brasil e Cofco Agri.

Fonte: Datagro
Texto extraído do portal Universoagro
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
19/06/19 - Adiantada, colheita de milho do Brasil atinge 12,5% da área, diz Arc Mercosul
  - Cerejeiras/RO já colheu 30% do milho e produtividade está dentro do esperado
  - Clima: inverno deve começar sob influência do fenômeno El Niño
  - Plano safra beneficia pequenos, médios e grandes produtores
  - Argentina: chuvas atrapalham plantio de trigo e colheita de soja e milho
  - Soja trabalha com estabilidade em Chicago nesta 4ª e se posiciona para números da área nos EUA
18/06/19 - Custos de produção para a safra 2019/20 de soja no MT têm alta
  - Soja realiza lucros nesta manhã de 3ª feira, mas não desvia foco do clima ruim nos EUA
  - Agroconsult eleva previsão de exportação de soja do Brasil para 70,5 mi t
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Produtores do oeste da Bahia colhem a 2a. maior safra de soja da história da região
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Consecana
• Fórum de Implementação Tecnológica
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário UDOP de Inovação
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados

POLÍTICAS DE PRIVACIDADE
Desenvolvimento:
/