UDOP - União Nacional da Bioenergia
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Combustíveis Fósseis Aumentar a letra    Diminuir a letra
Preços do petróleo sobem 2% por ataque na Arábia Saudita e expectativa de estímulos  

20/08/2019 - Os preços do petróleo avançaram cerca de 2% nesta segunda-feira, após um ataque das forças iemenitas houthis a uma instalação de petróleo da Arábia Saudita no final de semana ameaçar a oferta petrolífera, enquanto operadores continuam buscando sinais de que as principais economias do mundo tomarão medidas para contra-atacar uma desaceleração global.

O petróleo Brent, valor de referência global, fechou a 59,74 dólares por barril, avançando 1,10 dólar, ou 1,88%.

Os contratos futuros do petróleo dos Estados Unidos encerraram a sessão a 56,21 dólares o barril, alta de 1,34 dólar, ou 2,44%.

Sinais de uma leve suavização na guerra comercial entre EUA e China, incluindo uma concessão do governo norte-americano para que a chinesa Huawei [HWT.UL] adquira suprimentos de empresas norte-americanas, também ajudaram nos preços do petróleo.

Um ataque por drones do grupo houthi a um campo petrolífero no leste da Arábia Saudita no sábado causou um incêndio em uma instalação de gás, ampliando as tensões no Oriente Médio, mas a estatal Saudi Aramco afirmou que a produção de petróleo não foi afetada.

"O mercado do petróleo parece estar precificando novamente um prêmio por risco geopolítico após os ataques de drones à Arábia Saudita no fim de semana, mas o prêmio pode não se sustentar caso isso não resulte em alguma interrupção de oferta", disse Giovanni Staunovo, analista de petróleo da UBS.

19/08/19
Laila Kearney
Fonte: Reuters
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
20/09/19 - Preços do petróleo caem por temor comercial, mas têm alta na semana após ataque a sauditas
  - Bolsonaro quer investigar aumento abusivo em postos de combustível
  - Consumo de gás natural cai 10,9% em julho contra um ano antes, diz Abegás
19/09/19 - Petrobras eleva preço da gasolina em 3,5% e do diesel em 4,2%
  - Preços do petróleo ampliam perdas após promessa da Arábia Saudita de restaurar produção
  - O preço dos combustíveis no Brasil na comparação internacional
18/09/19 - IEA não vê necessidade de liberar estoques emergenciais de petróleo
  - Mesmo com alta do petróleo, BC deve baixar juro para novo piso histórico, apostam economistas
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Preços do petróleo sobem 2% por ataque na Arábia Saudita e expectativa de estímulos
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário: