UDOP - União Nacional da Bioenergia

FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Etanol Aumentar a letra    Diminuir a letra
Venda de diesel e etanol segue em alta, puxa comércio de combustíveis no Brasil em 2019  

01/10/2019 - As vendas de diesel no Brasil continuam a avançar em 2019, atingindo 37,9 bilhões de litros no acumulado do ano até o final de agosto, uma alta de 3,4% na comparação anual, segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

O forte desempenho do diesel ajuda a puxar o crescimento de 3,1% na comercialização total de combustíveis no Brasil em 2019, com pouco mais de 92 bilhões de litros vendidos nos oito primeiros meses do ano, informou a ANP.

Apenas em agosto, as vendas de diesel, o combustível mais consumido do país, somaram 5,28 bilhões de litros, avanço de 1,6% em relação a igual período de 2018.

O aumento nas vendas de diesel, combustível que foi impactado pela greve dos caminhoneiros em 2018, ajuda a compensar em 2019 a queda registrada na comercialização da gasolina, que acumula baixa de 3,7% no ano, com pouco menos de 25 bilhões de litros vendidos.


Etanol

Também contribuindo com o avanço nas vendas totais de combustíveis e compensando o recuo da rival gasolina, o etanol hidratado é quem possui a maior elevação percentual de consumo no período, com 14,5 bilhões de litros vendidos em 2019, alta de 25,8% na comparação anual, segundo a ANP.

A forte demanda pelo produto, mais competitivo que a gasolina em várias regiões, leva as usinas de cana a favorecerem o biocombustível no chamado "mix" de produção, que tem privilegiado o etanol em detrimento do açúcar.

"Esse crescimento reflete positivamente na participação do biocombustível na matriz de combustíveis do ciclo Otto, que atinge 48,1%", disse em comunicado a União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica). O ciclo Otto é constituído pela frota de veículos de passeio e carga leve.

Considerando apenas agosto, o avanço na comercialização do etanol foi mais tímido, de 2,48%, para 1,86 bilhão de litros. A tendência de enfraquecimento pode permanecer em setembro, com uma retração de 7,9% verificada nas vendas pelas usinas na primeira quinzena do mês, de acordo com dados preliminares da Unica.

Gabriel Araujo; edição de Roberto Samora
Fonte: Reuters
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
12/11/19 - Etanol: Indicadores se mantêm em alta há 8 semanas
  - Etanol: venda total sobe 6,46% em outubro; mercado interno cresce 4,14
  - Açúcar: contratos futuros registram pequena variação em NY e Londres
11/11/19 - Venda de hidratado ultrapassa 2 bi de litros e registra novo recorde em outubro
  - ´´O futuro da mobilidade será plural´´, diz o economista Plínio Nastari
04/11/19 - Petrobras confirma redução de cerca de 3% no diesel nas refinarias
01/11/19 - Petrobras reduz preço do diesel nas refinarias, diz FCStone
25/10/19 - Petrobras reduz preço do diesel nas refinarias
22/10/19 - ANP vai regulamentar uso de diesel renovável no mercado brasileiro
  - Petrobras completa 1 mês sem reajustar diesel, maior período de estabilidade em 1 ano
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Venda de diesel e etanol segue em alta, puxa comércio de combustíveis no Brasil em 2019
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário: