FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

Facebook
Instagram
Linkedin
Twitter
Youtube
Fale Conosco
Ministro russo diz que é cedo para dizer se cortes de oferta de petróleo prosseguirão
Publicado em 24/06/2019 às 09h25
O ministro russo de Energia, Alexander Novak, disse nesta segunda-feira que é muito cedo para dizer se um acordo entre a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e países não membros por cortes na produção de petróleo será prorrogado para o segundo semestre deste ano.

Ao falar com jornalistas nos bastidores de um evento de energia na cidade russa de São Petersburgo, Novak afirmou que a demanda por petróleo no terceiro e quarto trimestres deste ano ainda não está clara.

Segundo ele, o ministério está discutindo o futuro do acordo com empresas de energia do país.

-É muito cedo para dizer-, afirmou Novak ao ser questionado sobre uma eventual prorrogação do pacto. -Nós precisamos esperar, entre outras coisas, pelo encontro dos chefes de Estado do G20.-

-Vamos ver quais questões eles discutirão lá, como a economia se desenvolve, a situação do mercado-, acrescentou.
Vladimir Soldatkin
Fonte: Reuters
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Mais Lidas