Facebook
Instagram
Linkedin
Twitter
Youtube
Fale Conosco
Venda direta do etanol não traz benefício ao consumidor, diz presidente da UNICA
Publicado em 06/07/2020 às 09h02
Após a aprovação das diretrizes do Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) para que o etanol possa ser vendido das usinas diretamente para os postos de combustíveis, Evandro Gussi, presidente da União da Indústria de Cana de Açúcar (UNICA) diz que a mudança não irá mudar muita coisa para o consumidor.

"Todos os estudos que vemos mostra que não haverá alteração relevante com a mudança. Apesar de tirar a distribuidora, você mantém as estruturas de custo. Calculamos que menos de 5% do mercado irá optar pela venda direta."

Gussi diz que a UNICA não se opõe a medida, mas que o foco para o setor devia ser o RenovaBio, programa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) que irá estabelecer o sistema de créditos de carbono no Brasil, mas que a tributação que está atrapalhando a implantação do projeto.

"Para a sustentabilidade do Brasil, o RenovaBio é a grande cartada do país para o mundo, mas temos o desafio de resolver a tributação, que está equivocada para padrões internacionais."
04/07/2020
Fonte: CNN
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.