Facebook
Instagram
Linkedin
Twitter
Youtube
Fale Conosco
IEA eleva previsão de demanda de petróleo em 2020, mas alerta para Covid-19
Publicado em 10/07/2020 às 17h39
A Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês) aumentou sua previsão de demanda por petróleo para 2020 nesta sexta-feira, mas alertou que a expansão da Covid-19 representa um risco para as perspectivas.

A agência com sede em Paris elevou sua previsão para 92,1 milhões de barris por dia (bpd), um aumento de 400 mil bpd em relação às perspectivas do mês passado, citando um declínio menor que o esperado no segundo trimestre.

"Embora o mercado de petróleo sem dúvida tenha feito progressos... o grande e, em alguns países, acelerado número de casos de Covid-19 é um lembrete perturbador de que a pandemia não está sob controle e o risco de queda para nossas perspectivas de mercado é quase certo", disse a IEA em seu relatório mensal.

O alívio das medidas de isolamento social em muitos países causou uma forte recuperação nas entregas de combustível em maio, junho e provavelmente também em julho, informou a IEA.

Mas a atividade de refino de petróleo em 2020 deve cair mais do que a agência antecipou no mês passado e crescer menos em 2021, afirmou.

A demanda em 2021 provavelmente será de 2,6 milhões de bpd abaixo dos níveis de 2019, principalmente com o consumo de querosene de aviação recuando devido a uma queda nas viagens aéreas.
Noah Browning
Fonte: Reuters
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Mais Lidas