Este site utiliza cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Ao continuar navegando
você concorda com nossa política de privacidade. Política de Privacidade

Facebook
Instagram
Linkedin
Twitter
Youtube
Fale Conosco
Usina Coruripe se destaca como a maior do setor sucroenergético no Nordeste em ranking nacional
Empresa foi reconhecida como a sexta maior do segmento no país em receita líquida
Publicado em 07/10/2021 às 11h25
Foto Notícia
Presente nos principais anuários e rankings nacionais que avaliam indicadores das grandes empresas do país, a Usina Coruripe se destacou, neste mês, como a maior do setor sucroenergético no Nordeste. Na região, a empresa ficou na 15ª colocação entre as companhias atuantes em todos os setores da economia. As informações estão no especial Valor 1000, anuário elaborado em parceria com a Serasa Experian e o Centro de Estudos em Finanças da EAESP/FGV-SP (Fundação Getulio Vargas).

A Coruripe foi reconhecida como a 11º maior do segmento no país e ocupa a 258ª posição entre todas as empresas atuantes no Brasil, subindo 40 colocações em comparação ao ranking do ano passado. Na classificação no setor por vendas líquidas anuais, a Usina Coruripe é a sexta mais bem posicionada. Na análise da variável "crescimento sustentável" (variação da receita líquida sobre variação do patrimônio ajustado -- em pontos), a Coruripe ocupa a nona colocação, confirmando os resultados recordes da companhia. O ranking também destaca a receita líquida da companhia na safra 2020/21: R$ 3,03 bilhões.

"Nossos investimentos constantes direcionados aos canaviais e modernização tecnológica, além do trabalho de uma equipe de colaboradores engajados, são fundamentais para os ótimos resultados obtidos. O destaque que tivemos nesse renomado ranking nacional, mais uma vez, confirma nosso potencial de crescimento e um trabalho em prol do crescimento sustentável", declara o presidente da Usina Coruripe, Mario Luiz Lorencatto.
Assessoria de Imprensa
Fonte: Usina Coruripe
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.