Este site utiliza cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Ao continuar navegando
você concorda com nossa política de privacidade. Política de Privacidade

Facebook
Instagram
Linkedin
Twitter
Youtube
Fale Conosco
Próxima safra de açúcar do BR já tem mais de 4 mi de t fixadas, aponta Archer
Durante abril, foram negociados 3,27 milhões de contratos na Bolsa de Nova York (ICE Futures US)
Publicado em 13/05/2022 às 16h12
Foto Notícia
A próxima safra de açúcar do Brasil, 2023/24, que começa somente em abril do ano que vem, já tem 4,2 milhões de toneladas fixadas, ou 17,5% das exportações esperadas, segundo estimativas da Archer Consulting em seu primeiro levantamento.

As usinas fixaram preço médio de exportação para o volume de R$ 2.259 por tonelada FOB Santos com prêmio de polarização, ou 17,26 centavos de dólar por libra-peso. Essa fixação da próxima safra, em maio do ano anterior, é histórica.

Normalmente, o levantamento de fixação da Archer se refere à temporada que está começando. "Desta vez, no entanto, com a safra que inicia tendo ultrapassado 80% do volume já fixado, estamos olhando para a safra seguinte, algo que nunca ocorreu com tanta antecedência".

Durante o último mês de abril, o volume da commodity negociado na Bolsa de Nova York (ICE Futures US) chegou a 3,27 milhões de contratos futuros, sendo mais de 15% acima do mês anterior e 30% a mais do que a média dos últimos seis meses.
Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Mais Lidas