Este site utiliza cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Ao continuar navegando
você concorda com nossa política de privacidade. Política de Privacidade

Coruripe emite CRA "verde" para apoiar produtor de cana
Publicado em 27/06/2022 às 08h42
Foto Notícia
A Usina Coruripe, que possui unidades no Nordeste e em Minas Gerais, vai emitir certificados de recebíveis do agronegócio (CRAs) com rótulo "verde" para levantar recursos a serem usados para apoiar fornecedores de cana. Trata-se da primeira operação de CRA do país destinada a financiar produtores canavieiros.

Para garantir que a operação respeite normas privadas ambientais internacionais, a Coruripe contratou a certificadora Bureau Veritas, que auditou 65 fornecedores de cana. Esses produtores respondem pelo cultivo em 100 mil hectares que abastecem o polo mineiro da empresa e estão ligados à Associação dos Fornecedores de Cana da Região de Campo Florido (Canacampo), à Cooperativa dos Produtores Rurais do Pontal do Triângulo Mineiro (Coperama) e à Associação dos Fornecedores de Cana da Região de Iturama (Asforama).

Na safra 2020/21, o faturamento dos produtores selecionados totalizou R$ 665 milhões. A usina utiliza o cadastro de 59 dos 65 fornecedores selecionados para manter sua certificação no RenovaBio. Os outros seis não estão no programa porque fornecem a uma usina que só produz açúcar.

A Bureau Veritas avaliou atributos ambientais e agronômicos que contribuem para a mitigação, adaptação e resiliência dos sistemas de cultivo conforme critérios próprios e segundo os Green Bonds Principles (GBP), uma lista de princípios que orienta a certificação de títulos de dívida com caráter ambiental. Em sua avaliação de segunda parte, a conclusão foi favorável ao rótulo verde da futura emissão.

Entre os itens avaliados estão práticas agrícolas de baixa emissão de carbono, análise de riscos climáticos com definição objetiva de responsabilidades e ações preventivas e corretivas. Alguns dos critérios analisados foram, por exemplo, o modelo de utilização de fertilizantes, o uso de agricultura de precisão para aplicar insumos e reúso de resíduos da indústria, além de técnicas de manejo para sequestrar carbono (como cultivo de amendoim na entressafra) e uso de controle biológico.

Análise da gestão

"Nós também analisamos a gestão, e não só a utilização do recurso", ressalta Andressa Lisboa, diretora executiva de certificação e auditoria do Bureau Veritas. A certificadora vai auditar os fornecedores e a usina anualmente pelos próximos cinco anos. Se um produtor deixar de se enquadrar em algum critério mais crítico, a Coruripe será informada. E, caso não haja mudança de rumo, o título pode até perder o selo ambiental.

Até então, as emissões de CRAs com certificação ambiental no setor sucroalcooleiro vinham sendo realizadas pelas indústrias, sem direcionamento de recursos e avaliação ambiental dos fornecedores da matéria-prima.

Com o CRA emitido pela Usina Coruripe, os produtores de cana poderão solicitar linhas de crédito para custeio da colheita da cana. "A combinação de uma operação de longo prazo e uma asseguração ESG é um passo estratégico e transformador para os produtores de cana acessarem linhas de financiamento adequadas e a custos mais competitivos", afirma Thierry Soret, diretor financeiro da Usina Coruripe. A operação terá garantia do BNDES à classe sênior do CRA.
Fonte: Valor Econômico
Texto extraído do boletim SCA
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Mais Lidas