Este site utiliza cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Ao continuar navegando
você concorda com nossa política de privacidade. Política de Privacidade

Preço do diesel ultrapassa o da gasolina pela primeira vez em 12 anos
Publicado em 05/07/2022 às 08h17
Foto Notícia
Nos primeiros seis meses do ano, o preço do diesel acumulou alta de 36,4%, para o diesel comum, e 37,3% para o diesel S-10. E, pela primeira vez em 12 anos, o preço deste combustível ultrapassou o da gasolina.

Segundo o Índice de Preços Ticket Log (IPTL), o preço do litro do diesel comum fechou o mês de junho com média de R$7,87, valor 9,8% mais caro se comparado a maio. Já o diesel S-10, comercializado a R$ 8 nos postos de abastecimento do País, registrou alta de 9,9%.

A gasolina, por sua vez, fechou a R$ 7,56 o litro, nos 21 mil postos analisados.

No comparativo com a primeira quinzena de junho, os dois tipos de diesel já aumentaram mais de 2% em poucos dias. "Desde o dia 17 de junho, data em que passou a valer o último reajuste no repasse às refinarias para o diesel, o valor do litro do combustível disparou nos postos de abastecimento do País", afirma Douglas Pina, diretor-geral de mainstream da divisão de frota e mobilidade da Edenred Brasil.

Vale lembrar que no mês passado, a Petrobras reajustou o preço médio de venda do diesel para as distribuidoras. O valor passou de R$ 4,91 para R$ 5,61 por litro -- uma alta de 14,26%.

"No comparativo com o levantamento do IPTL referente a primeira quinzena de junho, o tipo comum aumentou 6,1% e o S-10 ficou 6,3% mais caro nesses poucos dias, segundo o IPTL", completa.

Estados

Todas as regiões apresentaram aumento no preço do diesel. No entanto, assim como no mês anterior, as maiores médias foram registradas nas bombas no Norte. O tipo comum teve alta de 3,63% em relação ao mês anterior e fechou a R$ 7,70. O S-10 avançou 3,05%, R$ 7,79.

Não houve recuo no valor dos dois tipos de diesel e o Acre apresentou o maior preço médio para o comum, comercializado a R$ 8,05, com alta de 3,64%, no comparativo com o mês passado.

E o acréscimo mais expressivo para esse combustível foi identificado nas bombas de abastecimento do Amapá (5,40%), que passou de R$ 7,52 para R$ 7,93. O estado também registrou o diesel S-10 mais caro: a R$ 8,17, com alta de 4,05%.

Já o Sul liderou o ranking das menores médias e comercializou o tipo comum por R$ 7,02 e o S-10 a R$ 7,10. O Rio Grande do Sul se destacou com o menor preço médio (R$ 6,96), porém com aumento de 4,33%.

O Rio Grande do Sul também registrou a menor média para o S-10, a R$ 7,05, porém, apresentou o acréscimo mais significativo para esse combustível, de 4,83%.
Fonte: Money Times
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Mais Lidas