Quinta-feira, 18 de outubro de 2018
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Diversas Aumentar a letra    Diminuir a letra
Chuva ajuda a elevar nível de umidade no solo  

13/11/2017 - As imagens de satélite mostram uma linha de instabilidade desde a Amazônia, passando pelo norte do Mato Grosso, Rondônia, extremo norte de Goiás e sobre grande parte do Matopiba, sendo que em toda faixa centro-sul do Brasil o tempo segue aberto e sem nuvens. Assim, para essa segunda (13) e terça-feira (14) a previsão é de chuvas sobre o norte do País e céu aberto em grande parte das regiões produtoras do Sudeste, centro-oeste e Sul.

Apesar da ausência de chuva na metade sul do Brasil, ainda não se pode criar nenhuma preocupação de que venha a se formar uma estiagem ao ponto de trazer prejuízos aos produtores. Já na faixa norte, a chuva dos próximos dias irá permitir tanto a elevação dos níveis de umidade do solo, quanto garantir boas condições a continuidade do plantio e principalmente ao desenvolvimento das lavouras.

O tempo aberto no Sul será apenas até a quinta-feira, dia 16/11, já que neste dia, uma nova frente fria estará avançando pelo Rio Grande do Sul onde deixará o tempo instável em boa parte do estado. Este sistema avança pelos demais estados das regiões Sul e Sudeste e a previsão é que mais para o final da semana o tempo volte a ficar bem instável sobre as regiões Sudeste e Centro-Oeste, incluindo o Paraná e Rondônia. Para o Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, também há previsão de chuva nos próximos 10 dias.


Período de neutralidade


Esse tipo de situação de que hora as frentes mais concentradas na metade norte do País e num outro momento, mais concentradas no Sul será frequente durante as próximas semanas. Mesmo com as águas do Oceano Pacífico mais frias do que o normal, e muitos institutos dizendo que já estamos sobre a influência da La Niña, o clima continuará sendo de neutralidade, mais com um viés negativo, o que ocasiona essa variabilidade no regime de chuvas, ou seja, horas os corredores de umidade estarão voltados mais ao sul, horas mais ao norte.

Porém, em nenhum momento há previsão de que venham ocorrer longos períodos de estiagem ou até mesmo invernadas, que possam trazer qualquer tipo de prejuízo aos produtores. Sejam produtores de soja, milho, feijão e/ou café, cana-de-açúcar e pastagens. Pelo contrário, esses pequenos períodos de sol irão possibilitar que os produtores consigam ir a campo realizar todas as suas atividades sem grandes transtornos e as plantas melhores condições ao seu desenvolvimento.

Marco Antônio Santos
Fonte: Climatempo
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
17/10/18 - Atividade econômica registra terceiro mês seguido de crescimento
  - Alta nos combustíveis pressiona inflação ao consumidor no IGP-10 de outubro
  - Senado aprova medida que altera renegociação de dívidas rurais
  - Confira a previsão do tempo para esta quarta-feira (17) para todas as regiões do Brasil
  - Com chuvarada, 75% da área de soja ainda não foi semeada em MS
  - Tempo: Sul do Brasil volta a ter chuvas fortes nesta 4ª feira com alerta de tempestades nos três
  estados da região
  - Etanol e açúcar fecham em baixa dentro e fora do Brasil
  - Excesso de chuva diminui moagem de cana-de-açúcar em MS
  - Energia de biomassa cresce 11% e ocupa 3º lugar na matriz energética brasileira
  - Pesquisa identifica genes que aumentam a resistência da cana
  - Plantio da safra 2018/19 de soja atinge 18,1% da área
  - Plantio da safra 2018/19 de milho alcança 36% da área
  - Consumo de adubos no Brasil deve crescer 2,8% e atingir recorde em 2018, diz FCStone
  - Ruralistas já indicam nomes para Agricultura
  - Oferta e exportações de milho deverão crescer em MT
  - FGV: IPC-S desacelera em 6 de 7 capitais avaliadas na 2ª quadrissemana de outubro
  - Mercado de milho deve experimentar novos momentos de alta nos próximos meses
16/10/18 - MS: Chuva desacelera ritmo da moagem de cana na última quinzena de setembro
  - Plantio de soja perde ritmo no Paraná com chuva e fica aquém de 2017, diz Deral
  - Anda: volume de entregas de fertilizantes sobe apenas 0,3% em setembro
15/10/18 - Defensivos: engenheiros agrônomos poderão formular receitas de aplicação
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Chuva ajuda a elevar nível de umidade no solo
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário UDOP de Inovação
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/