Quinta-feira, 17 de janeiro de 2019
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Guerra comercial de Trump custa caro para os EUA nas exportações de soja  

06/11/2018 - É bom o presidente brasileiro eleito já ir se acostumando com as regras de comércio mundial, antes de escolher mercados tomando como base apenas afinidades ideológicas. É bom aprender com os erros de Donald Trump, presidente dos Estados Unidos.

Maior produtor mundial de soja, os Estados Unidos conseguiram colocar apenas 21,5 milhões de toneladas da oleaginosa no mercado externo nesta safra 2018/19.

Em igual período do ano passado, as exportações dos americanos somavam 30,4 milhões. Na média das últimas cinco safras, eram 31,6 milhões no mesmo período.

Essa queda nas vendas externas americanas foi provocada pela taxação de produtos chineses pelos EUA. Em contrapartida, os asiáticos retaliaram os americanos.

A China, que havia comprado 16 milhões de toneladas de soja dos Estados Unidos na safra 2017/18, até outubro do ano passado, adquiriu apenas 271 mil toneladas nesta safra.

O pedido chinês, de 1,5 milhão de toneladas —feito antes do início da guerra comercial entre os dois países—, já foi reduzido para 964 mil, sem garantias de que realmente essa soja seja adquirida.

Os chineses vinham mantendo uma média de compra de 18 milhões de toneladas de soja dos Estados Unidos até outubro de cada ano.

A China cancela compras dos EUA e amplia as importações do Brasil e da Argentina.

O apetite chinês fez com que o Brasil exportasse 5,4 milhões de toneladas de soja no mês passado, um recorde para o período do ano.

O maior volume colocado no mercado externo nos meses de outubro havia sido o de 2015, quando as vendas somaram 2,6 milhões de toneladas.

De janeiro a setembro deste ano, ao comprar 55 milhões de toneladas do Brasil, a China ficou com 80% da soja nacional exportada. Em 2017, eram 48 milhões, conforme dados da Secex (Secretaria de Comércio Exterior).

Se não houver uma solução para essa guerra comercial entre as duas potências até o período de plantio do ano que vem, os produtores dos EUA vão apostar mais no milho do que na soja.

Eles imaginavam que a China pudesse reagir às medidas de Trump, mas não que ela fosse tão radical. Para compensar possíveis estragos nas exportações agropecuárias dos Estados Unidos, o presidente liberou US$ 11 bilhões em subsídios para o setor.

*Texto extraído da coluna Vaivém das Commodities.

Mauro Zafalon
Fonte: Folha de S. Paulo
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
17/01/19 - Milho: Bolsa de Chicago segue com altas nos preços nesta quinta-feira
  - Dólar firma alta ante real em meio a cautela no exterior com China e EUA
  - CBOT: grãos tendem a abrir em alta amoliando ganhos da vespera
  - Incertezas quanto à economia chinesa deixam mercados em viés de baixa; petróleo cai
  - Paralisação recorde do governo americano tira direção do mercado de grãos e pressiona preços
  - MS: Produção de soja cresce 46% nas últimas seis safras
  - 26% da safra de milho do Paraná não está em boas condições
  - Com expectativa de quebra de pelo menos 11% começa a colheita da soja em MS
  - Aprosoja pede renegociação de financiamento para produtores atingidos pela seca
  - Soja testa novas tímidas altas em Chicago nesta 5ª, mas ainda espera por novidadades
  - Colheita de soja avança em ritmo acelerado em MT
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Guerra comercial de Trump custa caro para os EUA nas exportações de soja
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Troféu da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário UDOP de Inovação
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/