UDOP - União Nacional da Bioenergia

FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Combustíveis Fósseis Aumentar a letra    Diminuir a letra
Carros movidos por gasolina podem ser proibidos no Brasil em 2060  

09/10/2019 - Senadores brasileiros estão discutindo proibir, a partir de 2060, a comercialização e a circulação de veículos movidos por combustão -- ou seja, que utilizam combustíveis fósseis como gasolina e diesel. Carros abastecidos exclusivamente com biocombustíveis, como o etanol, não serão afetados.

De autoria do senador Telmário Mota (Pros/RR), a PLS 454/2017 já teve parecer favorável da Comissão de Assuntos Econômicos e começou a ser debatida na Comissão do Meio Ambiente (CMA) na segunda-feira (7). Mesmo que a proibição só entre em vigor daqui quatro décadas, a medida visa reduzir de forma gradual os efeitos gerados pelo consumo dos combustíveis fósseis.

A previsão é de que, a partir e 2030, 90% dos carros vendidos no Brasil utilizem motor à combustão. O percentual deve diminuir para 70% e 10% em 2040 e 2050, respectivamente. É um plano semelhante ao adotado por outros países. A Alemanha, por exemplo, quer proibir os veículos por combustão até 2030.

Vale destacar que um estudo do banco JP Morgan aponta uma queda drástica no número de veículos a combustão no mercado. O percentual de 98% de participação destes automóveis, registrado em 2015, deve cair para 41% já em 2030. Na contramão, a parcela de veículos híbridos deverá aumentar de 1% para 39% no mesmo período.

Na audiência pública de ontem, o setor defendeu a criação de um marco legal da eletromobilidade no País, o que facilitaria a transição gradual dos carros tradicionais para automóveis elétricos ou híbridos.

O encontrou contou com a participação de representantes da indústria automobilística e de organizações como a Associação Brasileira de Veículos Elétricos (ABVE) e a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), além de membros do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.


Preço atrapalha

Abandonar combustíveis como gasolina, diesel e até mesmo o álcool e apostar em carros elétricos, por exemplo, não é algo simples de ser feito no Brasil. E nem barato.

Modelo mais em conta ofertado no mercado brasileiro, o chinês JAC iEV20, sai a partir de quase 120 mil reais. É somente um pouco menos do que os 128 mil reais cobrados pela Toyota no popular Prius. O Zoe, da Renault, custa 150 mil reais, enquanto o Bolt, da Chevrolet, não sai por menos de 175 mil reais.

Líder no mercado americano, a Tesla, de Elon Musk, comercializa o Model 3 por 35 mil dólares. O mesmo veículo, importado para o Brasil, ultrapassa os 200 mil reais. Vale lembrar que modelos mais parrudos e fabricados por empresas como BMW e Porsche podem custar mais de meio milhão de reais por aqui.

08/10/19
Rodrigo Loureiro
Fonte: Portal Exame
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
22/11/19 - Preços do petróleo vão a máximas de 2 meses com expectativa de que Opep estenda cortes
21/11/19 - Estoques de petróleo sobem acima do esperado nos EUA
  - Líbia produz 1,25 mi bpd de petróleo e prevê 1,5 mi em 2020, diz estatal petroleira NOC
  - Rússia continuará a cooperar com Opep para manter mercado equilibrado, diz Putin
19/11/19 - "Ninguém quer mais abrir mão dessa autonomia dada pelo carro flex", afirma Erwin Franieck
  - Petrobras comunica a clientes alta de 2,7% no preço da gasolina
  - Petrobras não reajusta gasolina há mais de 50 dias, importador vê defasagem
  - Açúcar: morde e assopra em Nova York confirma rotina de baixa
13/11/19 - Volvo planeja instalar 500 pontos de recarga para carros elétricos no Brasil
04/11/19 - Merkel quer Alemanha com 1 milhão de pontos de carregamento de carros elétricos até 2030
  - Gasolina sobe nos postos após duas semanas de baixa, diz ANP; diesel também avança
01/11/19 - Venda de veículos novos em outubro sobe ante setembro, diz Fenabrave
  - Toyota Corolla híbrido: primeiras impressões
  - Venda de gasolina e combustível via aplicativo é ilegal, diz ANP
28/10/19 - Cofco expande capacidade em etanol no Brasil; vê preços do açúcar pressionados
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Carros movidos por gasolina podem ser proibidos no Brasil em 2060
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário: